18/09/21

Com Diploma e CRM nas mãos, jovem médico canapiense formado pela Universidade Federal de Sergipe sonha um dia voltar a sua terra natal e atender seus conterrâneos.

 

Conheça Dailson Bezerra, orgulho para Canapi!

Por: Marcio Martins

Neto de agricultores Antônio Benedito e Pregentina, Dona Deta e João Militão, residentes no Sítio Logrador na zona rural de Canapi/AL, o jovem Dailson da Silva Bezerra de 28 anos, filho de Maria do Carmo conhecida como “Carminha” e Elias da Silva Bezerra conhecido como “Titio”, canapienses que atualmente residem em Aracaju/SE, conclui esse ano de 2021 o curso de Medicina pela Universidade Federal de Sergipe.

Residente na capital sergipana Aracajú desde 2004, quando seus pais deixaram sua terra natal em busca de melhorias, novas oportunidades e realização de sonhos, antes da mudança, Dailson que sempre foi uma criança inteligente e dedicada aos estudos, chegou a concluir o Ensino Fundamental I (antiga 4º série) no antigo Grupo Escolar Poços d’água no Sítio Logrador em Canapi, já o Ensino Fundamental e Médio assim como a Faculdade de Medicina a conclusão já se deu em Aracajú/SE.  

É válido destacar que antes de ingressar no curso de medicina através do ENEM, Dailson já cursava Enfermagem na mesma universidade, ou seja, o jovem estudante canapiense tinha mesmo vocação e conhecimento suficiente na área de saúde, pronto para passar em qualquer concurso, vestibular, exame e similares.

Agora com Diploma e CRM nas mãos, o jovem médico canapiense sonha um dia voltar a sua terra natal e atender seus conterrâneos, o que deve ocorrer num futuro breve após a conclusão de um curso de especialização.

 

03/09/21

[VÍDEO] Tony Cloves denuncia que foi agredido pelo ex-prefeito Lula Cabeleira em Delmiro Gouveia e que roubaram seu celular.

 
O popular "Fiscal do povo" falou sobre o caso em suas redes sociais de dentro de um veículo a caminho da Delegacia. Confira!

Por: Redação / Crédito: Reprodução/Google Imagens

A demolição parcial e as reviravoltas que envolvem a polêmica desapropriação dos moradores da Prainha da Cruz as margens do Rio São Francisco em Delmiro Gouveia, esquentou de vez o clima político na cidade. 

E como se o que estava ruim já não pudesse piorar, Tony Cloves, o popular "Fiscal do Povo" divulgou na manhã desta sexta-feira (03) em suas redes sociais, um vídeo em que acusou o ex-prefeito de Delmiro Gouveia o empresário Luiz Carlos Costa, popular "Lula Cabeleira" que é pai da atual prefeita do município Ziane Costa, de agressão. 

De acordo com o "Fiscal do Povo" o ex-prefeito teria o agredido no posto de combustíveis na presença do Advogado dos ribeirinhos e do Secretário de Meio Ambiente. Sem detalhar como teria ocorrido a suposta agressão e o motivo, Tony Cloves ainda afirmou que seu celular teria sido roubado, apesar de não apontar o autor do suposto "roubo".

A gravação publicada principalmente nos grupos de whatsapp, foi feita a caminho da Delegacia Regional de Delmiro Gouveia onde deve ser registrado um Boletim de Ocorrência contra o ex-prefeito.

Nossa equipe de redação tentou entrar em contato com toda as partes envolvidas na confusão para colher maiores informações sobre o ocorrido, mas infelizmente não conseguiu completar a ligação. Desde já, disponibilizamos o espaço no site para qualquer um dos citados que desejarem fazer uso.

01/09/21

[AGOSTO DOURADO] Prefeitura de Inhapi adota campanha de incentivo à amamentação

A Prefeitura de Inhapi adotou a campanha Agosto Dourado, que incentiva o aleitamento materno para proteção e nutrição dos bebês. O objetivo da campanha é sensibilizar para a importância da amamentação e fortalecer as ações já existentes nas unidades de saúde do município. 

A ação realizada pela Secretaria Municipal de Saúde, na UBS GRAVATÁ - PSF 002, em prol do agosto dourado, "Incentivo a amamentação", foi conduzida pela enfermeira e pela dentista da unidade.

O Ministério da Saúde recomenda a amamentação até os 2 anos de idade ou mais e, de forma exclusiva, nos seis primeiros meses de vida, mesmo nas mães que tiveram casos confirmados de Covid-19.

Agosto Dourado

O Agosto Dourado simboliza a luta pelo incentivo à amamentação – a cor dourada está relacionada ao padrão ouro de qualidade do leite materno. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), por ano, cerca de seis milhões de vidas são salvas por causa do aumento das taxas de amamentação exclusiva até o sexto mês de idade.

Fonte: Ascom/Inhapi

Canapi e Piranhas são os únicos municípios do alto sertão de Alagoas que não executaram recursos da Lei Aldir Blanc de incentivo a cultura.

 

Municípios receberam respectivamente, R$: 156 e 206 mil reais e a agora fazem parte da lista de 27 municípios alagoanos com execução 0,0% dos recursos da referida lei, de um total de 30 que menos executaram.

Por: Redação 

O Banco do Brasil e o Controle Interno do Ministério do Turismo e da Secretaria Especial da Cultura divulgaram esta semana uma lista dos 30 municípios alagoanos que menos executaram os recursos da Lei Aldir Blanc de incentivo a cultura, dos quais 27 tiveram 0,0% de execução, entre eles, os municípios de Canapi e Piranhas no alto sertão do estado.

Foram R$: 156 mil reais destinados para o município de Canapi e R$: 206 mil para Piranhas. No caso do município de Piranhas, os recursos foram repassados ainda na gestão da ex-prefeita Maristela Sena Dias. Já no caso de Canapi onde o atual prefeito Vinicius Lima foi reeleito, o vice-prefeito e o secretário de administração do município chegaram a negar o recebimento dos recursos em conversa com artistas locais (relembre aqui), porém, logo no dia seguinte foram desmentidos pela própria assessoria de comunicação da prefeitura que confirmou o recebimento e afirmou que iria devolver o recurso (relembre aqui). Acredita-se que por total incompetência para com sua execução.

Todavia, em Abril deste corrente ano (2021), a Câmara dos Deputados aprovou Projeto de Lei (PL) que reformula a Lei Aldir Blanc para prorrogar prazos de utilização de recursos repassados. O texto sancionado em Maio/2021 pelo Presidente Jair Bolsonaro, permite que Estados, Distrito Federal e Municípios usem até 31 de Dezembro deste ano o saldo remanescente do dinheiro transferido para ações emergenciais de renda e projetos culturais. O que não for utilizado em 2021 deverá ser devolvido à união até Janeiro de 2022.

31/08/21

Câmara de Vereadores de Mata Grande realiza palestra sobre os direitos das mulheres em alusão ao Agosto Lilás.

 

Evento idealizado pelo presidente Rodolfo Izidoro foi conduzido pela Associação AME que acolhe mulheres vítimas de violência e organizado pela psicóloga Sarabelle Araújo.

Por: Marcio Martins / Créditos: Central do Sertão

A campanha Agosto Lilás foi criada como parte da luta representada pela Lei Maria da Penha sancionada em 07 de Agosto de 2006 quando surgiu da necessidade de inibir os casos de violência doméstica no Brasil. 

Com a criação do Agosto Lilás, municípios de todo o Brasil passaram a se mobilizar todos os anos promovendo diversas ações de conscientização dos direitos das mulheres e enfrentamento a violência. E em Mata Grande no alto sertão de Alagoas não foi diferente, nesta segunda-feira (30), a Câmara Municipal de Vereadores sob a presidência do Vereador Rodolfo Izidoro tomou a iniciativa ao realizar uma super palestra com profissionais renomados da Associação AME com sede em Maceió.  

A palestra foi um verdadeiro sucesso, pois conseguiu prender a atenção de todo o público presente, que ao final, saiu da Câmara conscientizado sobre os direitos das mulheres e principalmente dos tipos de violências das quais são vítimas diariamente no Brasil (Violência física, psicológica, moral, sexual e patrimonial previstas na Lei Maria da Penha, além da violência obstétrica que embora não esteja na Lei, também foi explorada pela palestrante a advogada Julia Nunes, que não por acaso, foi bastante aplaudida durante sua fala. 


Quem também se fez presente ao evento foram as Polícias; Militar representadas pelo Tenente Lima e seu parceiro de farda. Já a Polícia Civil se fez representada pelo PC Jaeudson, popular "Jajá" que entre outras contribuições para a palestra, trouxeram os números de ocorrências contra as mulheres em Mata Grande, que em 2020 registrou 38 acionamentos e até o presente momento de 2021, já foram 12 ocorrências, além de um caso de feminicídio registrado em 2019. O Tenente Lima ainda falou das dificuldades de punir os agressores uma vez que a maioria das mulheres que prestam queixa acabam desistindo da ocorrência, alegando que queriam apenas dar um susto no companheiro, porém, sempre advertidas pela autoridade policial, que a Polícia não trabalha para dar susto em ninguém, mas sim para cumprir com suas atribuições legais. Lima também pediu o engajamento das autoridades presentes ao evento, pela implantação de uma Delegacia Regional Especializada da Mulher no Alto Sertão, uma vez que, muitas mulheres vítimas de violência doméstica acabam desistindo de fazer a denúncia haja vista que precisam se deslocar para a regional da cidade de Batalha que inclusive também não é delegacia especializada em crimes contra as mulheres e que fica distante há pelo menos duas horas de Mata Grande, motivo pelo qual o Tenente também pediu o apoio dos vereadores e do prefeito para que o plantões retornem para a Regional de Delmiro Gouveia. "É preciso sair apenas do discurso bonito, é preciso ter ação" - Concluiu o Tenente Lima. Após a fala do Tenente, o PC Jajá reforçou as dificuldades relatada pelo Tenente, exaltou o sucesso da parceria entre as Polícias Civil e Militar e encerrou sua fala apresentando os principais canais de denúncia para enfrentamento a violência contra a mulher e vítimas em geral (180, 181, 190 e 100).



Vale ressaltar que ante da palestra pelos profissionais da AME e das falas dos representantes das Polícias Civil e Militar, o evento teve início com a formação da mesa de autoridades com a presença do anfitrião o Presidente da Câmara Vereador Rodolfo Izidoro, ao lado dos vereadores Antoniel, Ivan Malta e Vânio de Pedoca, das ex-vereadoras Josivania e Luzia de Caica, Secretários Municipais, Conselho Tutelar, Movimento de Mulheres e de Jovens, Profissionais de Saúde, do Dr. Gipson Coordenador do CAPS e do Prefeito Erivaldo Mandu. Na ocasião também foram registradas as presenças da imprensa local e regional e da presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Mata Grande Jane Cleide Carvalho. Formada a mesa, o evento teve continuidade com a leitura de um cordel sobre violência contra a mulher de autoria da cordelista Edeildes Araújo, seguido da apresentação de um grupo de xaxado com adolescentes do serviço de convivência de vínculos da Secretaria Municipal de Assistência Social, coordenado pela servidora pública Deyse que também contribuiu com o evento compartilhando um pouco da sua história de vida através de um depoimento pessoal já que também foi vítima de violência domestica fruto de um relacionamento abusivo.



Aberta a palavra a mesa, o presidente Rodolfo Izidoro agradeceu a presença de todos, a disponibilidade dos profissionais da Associação AME para realização da palestra e falou sobre o seu compromisso em sempre abrir as portas da Câmara para discussão de temas importantes para sociedade matagrandense.



Quem também fez uso da palavra foram os demais vereadores presentes, a ex-vereadora Luzia atual assessora especial do prefeito Erivaldo Mandu nas redes sociais e o Dr. Gipson Coordenador do CAPS que enfatizou o avanço de Mata Grande em representatividade feminina nos espaços de poder e liderança. 


Entre os assuntos abordados pelos vereadores e pela ex-vereadora, um fato chamou bastante atenção do público, que foi o repúdio do vereador Antoniel e da ex-vereadora Luzia a ausência das três vereadoras matagrandenses que não compareceram ao evento e não enviaram justificativa. 



O prefeito Erivaldo Mandu foi o último a falar antes da palestrante, na oportunidade o gestor falou do seu empenho para conquista do CISP e aproveitou para anunciar a volta do Banco do Brasil e instalação de uma agência da Caixa Econômica Federal já que segundo o prefeito, agora o município dispõe de uma melhor segurança pública.


Após o show de argumentação, irreverência e conhecimento técnico e jurídico da palestrante Julia Nunes, o encerramento coube a psicóloga no município de Mata Grande, Sarabelle, responsável pela organização do evento com total apoio do Presidente da Câmara Vereador Rodolfo Izidoro, os quais se preocuparam em logo na porta de entrada da Câmara disponibilizar álcool em gel e testes rápidos de Covid-19, não por menos, ao final do evento Sarabelle foi aplaudida de pé pelo público presente.