Faça-nos uma visita!

quarta-feira, 31 de maio de 2017

O Prefeito Zé Cicero anunciou hoje a primeira atração da Festa do Carro de Boi 2017.

O evento como de costume será no último sábado de julho, dia 29. A Festa do Carro de Boi no Inhapi, é considerada como o maior encontro do mundo, chegando a reunir mais de 600 carros de Boi.

ATÉ ELES

Pos até a ira humana há de louvar-te; e do resíduo das iras te cinges.  Sal 76:10

Nenhum juízo tem final feliz enquanto o culpado não reconhece a culpa. Infelizmente, cada dia se multiplicam culpados que reivindicam inocência, mesmo diante do veredicto do juiz e a montanha de provas.

O verso de hoje tem uma projeção profética extraordinária. Fala do fim do conflito universal entre Cristo e Satanás.

Lá nos céus, num distante passado levantou-se um ajo de luz tentando tirar o governo das mãos do Criador. O acusou de ser injusto e egoísta e reivindicou para a si a adoração e a obediência.

Com astúcia, seduziu uma terça parte dos anjos. Então houve uma batalha e Lúcifer e suas hostes inimigas saíram derrotadas. Esta guerra não foi com armas físicas. Foi uma luta de idéias. O campo a ser conquistado era o coração das criaturas.

Aquela guerra transferiu-se para esta terra e as argumentações do inimigo são as mesmas do princípio: Deus é injusto e não merece ser adorado nem obedecido.

De um lado o inimigo, através do engano, a sedução e a mentira tenta atrair a maior quantidade possível de seguidores. Do outro, Jesus Cristo, com a verdade de sua palavra chama a aqueles que estão dispostos a obedecer a seus conselhos, e hoje o mundo está dividido em dois grandes grupos. Não existe, como muita gente ensina, muitas igrejas, filosofias e maneira de encarar a vida, porque não existem muitos senhores.

Só há dois comandantes, dois caminhos e dois grupos. O Senhor Jesus Cristo, em certa ocasião disse: “Quem não é por mim, é contra mim, e quem comigo não ajunta, espalha.” Mat. 12:30 Isto é dramático, Sou ou não sou. Não existe um terceiro território.

Finalmente quando Jesus voltar pela segunda vez, muita gente entenderá que esteve errada. Isso revoltará as pessoas. Ficará provado que a Bíblia tinha razão. Mesmo assim, sabendo que seu futuro próximo é a morte, essas pessoas se ajoelharão diante de Jesus e reconhecerão a autoridade de Deus e sua soberania.

Essa cena está sendo descrita pelo salmista no verso de hoje. “Até a ira humana há de louvar-te”, afirma Asafe.

Se mais tarde ou mais cedo a humanidade inteira vai ter que reconhecer a soberania divina, não é prudente entregar o coração a Jesus?

Faça isso antes de sair para os deveres diários e não esqueça que até a ira humana terá que louvar um dia a pessoa de Jesus.

Alejandro Bullón

terça-feira, 30 de maio de 2017

Polícia Militar apreende motocicletas que estavam sendo conduzidas por menores em Inhapi

Veículos foram levados para Delegacia de Polícia da cidade (29ª-DP), onde foram realizados os procedimentos cabíveis


Uma ação do Grupamento de Polícia Militar (GPM) de Inhapi, deflagrada na noite desta segunda-feira (29), resultou na apreensão de seis motocicletas que estavam sendo conduzidas por menores de idade, na Avenida Pompilho Brandão de Alcântara.

A ação, segundo a polícia, foi realizada em resposta a comentários que estavam ocorrendo nas redes sociais, os quais relatavam que menores estavam conduzindo e empinando motos na avenida.

“Todos os dias iremos intensificar as diligências com o objetivo de coibir esse tipo de situação que está sendo cometida por menores”, disse o comandante do GPM, sargento Henrique.

As motocicletas apreendidos foram três Honda Pop 100 e três CG. Elas foram levadas para a Delegacia de Polícia da cidade (29ª-DP), onde foram realizados os procedimentos cabíveis.
Fonte correio Noticia

Prefeitura de Inhapi firma contrato de mais de R$ 200 mil para construção de rodoviária

Informação foi publicada no Diário Oficial dos Municípios desta segunda-feira (29); empresa ganhadora da licitação é de Arapiraca

A prefeitura de Inhapi firmou, segundo a edição desta segunda-feira (29) do Diário Oficial dos Municípios de Alagoas, um contrato com uma empresa para a construção de um Terminal Rodoviário no município.

De acordo com a publicação no portal da Associação dos Municípios de Alagoas (AMA), a empresa ganhadora da licitação foi a Construtora Alzão LTDA – EPP de Arapiraca. O valor do contrato é de R$ 205.865,21.

Em contato com a reportagem, a Assessoria de Comunicação do município informou que a pedra fundamental do Terminal Rodoviário do município foi lançada no dia 18 de fevereiro deste ano.

Segundo o Município, o local onde será construída a rodoviária fica localizado na entrada da cidade. “Um fator importante é a escolha do local, sendo de fácil acesso, portanto privilegiado. O prédio será moderno e funcional, com amplo espaço que deverá atender a necessidade do cidadão inhapiense por longos anos”, informou em uma publicação.

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Animal solto na pista causa grave acidente na AL 140 em Inhapi.


Por: Redação
Poderia ter sido muito pior, porém, mais uma vez um animal solto na rodovia AL 140 em Inhapi causou um gravíssimo acidente na tarde desta segunda-feira (29) nas mediações do sitio Boa Vista sentido Leobino, localidade para qual os jovens Lindoardo Barbosa, 23 anos e Ana´Paula de 19 anos, seguiam em uma motocicleta Pop de cor branca, ele de capacete e ela sem, quando colidiram com uma ovelha no meio da pista.

Com a queda, Lindoardo fraturou a clavícula e teve várias escoriações pelo corpo, assim como Ana Patrícia que além das escoriações sofreu uma forte pancada na cabeça. Ambos são moradores da rua Joaquim Gomes no centro de Inhapi e foram socorridos de ambulância para o Hospital Regional Clodolfo Rodrigues em Santana do Ipanema.

A Polícia Militar sobre o comando do Sargento Henrique também esteve no local e prestou total atendimento as vítimas até a chegada da ambulância. 












SEDE DA ALMA

Como suspira a corça pelas correntes das águas, assim, por ti, ó Deus, suspira a minha alma. Sal. 42:1

Em cidades como New York, ou Paris, a água não é mais simplesmente água, é bebida de luxo. Com mais de 700 marcas para escolher, “eau de bonteille” pode custar até o escandaloso preço de U$15,00 , num restaurante sofisticado, como o Alain Ducase de New York.

Nos últimos anos a venda de água engarrafada no mundo, tem aumentado bastante e a indústria daquilo que os americanos estão chamando de “a essência da vida” chega hoje a 7 bilhões de dólares anuais só nos Estados Unidos. Tudo, porque de repente, a humanidade parece ter redescoberto os benefícios da água para a saúde.

Está comprovado que as pessoas bebem pouca água. Calcula-se que a maioria dos habitantes do planeta, vive cronicamente desidratada. Todos os dias um adulto perde por volta de um litro de líquido, e se esse líquido não for reposto será prejudicial para o organismo.

O texto de hoje apresenta a figura da corça, suspirando pelas correntes das águas. Nas terras desérticas era comum ver as manadas das corças, movendo-se de um lugar para outro buscando uma poça de água. Às vezes uma corça solitária, perseguida pelos predadores ficava exausta e machucada de tanto correr, e o seu último refúgio era uma poça de água. O animalzinho descia a colina e nadava no meio da água, procurando ocultar-se de seus inimigos. A água, não era para a corça algo opcional, era assunto de vida ou morte.

Porém, o Salmo de hoje não está falando apenas de água, está falando de Deus, o único Ser capaz de suprir a sede da alma. “Minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo”, diz Davi.

“Sede do Deus vivo.” Nossos dias estão cheios de deuses mortos.  Inventamos pequenos deuses, manipuláveis, dirigíveis, só para tentar enganar a sede da alma. “Energia” “Luz” “Força interior” “Aura”. Brincamos de acreditar em Deus, mas o coração continua sedento. Como um deserto sem vida, esperando uma gota de água, uma palavra de amor, um gesto de ternura, uma atitude de carinho.

Ah, se o ser globalizado de hoje, abandonasse um pouco suas conexões mirabolantes e parasse, na sua corrida louca, descobriria o segredo da vida vitoriosa do salmista e também diria: “Como suspira a corça pelas correntes das águas, assim por ti ó Deus, suspira a minha Alma”.

Alejandro Bullón

domingo, 28 de maio de 2017

Professores de Inhapi têm títulos de mestrado em Ciências da Educação aceitos no Paraguai

Diplomação foi realizada em Assuncion capital do Paraguai.


professores das redes de ensino municipal e estadual de Inhapi tiveram os títulos de mestrado em Ciências da Educação aceitos pela Universidade Autônoma de Sul (UNASUR), na última quarta-feira (24), em Assunção, no Paraguai.

Todos são professores de 1º ao 5º ano e defenderam temas relacionados à área de atuação de cada um em Inhapi, com o objetivo de contribuir com o desenvolvimento educacional do município. Confira o perfil e o título que cada um defendeu:

Moab Damasceno dos Santos, 30 anos – Secretário Municipal de Educação de Inhapi
  • Título: A gestão democrática nas escolas públicas do município de Inhapi/Alagoas: A prática mediadora do trabalho pedagógico.

Gilda Regina Gomes, 36 anos – Professora de língua inglesa e Gestora da Escola Estadual de Ensino Médio Nezinho Pereira
  • Título: Ensino Médio Integrado no sertão alagoano: Desafios e Perspectivas

Núbia Nascimento de Melo, 42 anos – Supervisora da Escola Municipal Luiz Celso Malta Brandão
  • Título: Repensando a prática docente a partir da pedagógica diferenciada: Uma estratégia face a educação de jovens e adultos.

Noelma Carvalho da Silva, 39 anos – Pós-graduada em Gestão Escolar - Diretora adjunta da Escola Municipal Nossa Senhora do Rosário
  • Título: A dimensão da aprendizagem significativa centrada nos valores éticos e morais na educação de jovens e adultos.

Givalda Regina Gomes da Gama, 33 anos – Coordenadora pedagógica do 1º ao 5º ano
  • Título: A construção da aprendizagem sócio- afetiva através da escola é da família.

Lídia Rodrigues dos Prazeres Vitor, 36 anos – Formada em pedagogia (UFAL) – Presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Inhapi (SISPI)
  • Título - A Participação da Família no Desenvolvimento da Aprendizagem: Uma Abordagem nas Séries Iniciais.

Maria Lúcia Silva Lima – Diretora adjunta da Escola Municipal Luiz Celso Malta Brandão
  • Título - Educação e Interculturalidade: A perspectiva da Educação Escolar Indígena.

Depois de dez dias na capital paraguaia, os professores retornam para Alagoas neste domingo (28). Eles são os primeiros mestres em Ciência da Educação no município de Inhapi.
  

                     

                   

                       
                  
               
                  
  
                












sábado, 27 de maio de 2017

Prefeito Zé Cícero e deputado federal Paulão entregam 4 ambulâncias 0km em Inhapi.

O prefeito José Cícero Vieira, juntamente com o deputado federal Paulão do PT, acompanhado de toda equipe de secretários, vice prefeita Cristina Costa e vereadores realizaram na manhã deste sábado, (27), a entrega de 04 ambulâncias 0km para a população inhapiense. Hoje o município atende uma grande demanda no setor de saúde e visando ampliar e oferecer um atendimento de qualidade foi adquirido os quatro veículos equipados para atender as emergências no socorro e remoção dos pacientes.

De acordo com a secretária municipal de saúde, Rosa Guerra, “as ambulâncias oferecem conforto e tranqüilidade no transporte de pacientes graves para outras localidades. São veículos que rodam muito, veículos que transitam às vezes acima da velocidade normal e tem que oferecer um mínimo de segurança para que essas pessoas possam chegar ao destino, todas são equipadas com ar-condicionado”.

Além disso, durante a solenidade, o prefeito anunciou a inauguração da unidade básica de saúde do Sítio Curralinho - que beneficiará a população da zona rural, e frisou as dificuldades que toda equipe técnica passou para a conquista dos veículos, bem como o papel fundamental do Deputado Paulão na aquisição das mesmas.

Em sua fala Paulão foi enfático, “Esta ação mostra a responsabilidade e o respeito pelo trabalho que a gente vem desenvolvendo em Inhapi. Quando chegamos encontramos a secretaria sem estrutura nenhuma, realidade triste de trabalho. Hoje estamos vendo um grande investimento, mudanças difíceis, mas necessárias e o resultado está aí. O prefeito vem fazendo isso com muita sabedoria e está sendo revertido para a população. Estas ambulâncias são frutos da seriedade e honestidade com que o prefeito vem trabalhando e a população agradece”, destacou.

Estiveram presentes no ato de entrega os vereadores, Professor Roseildo, Cicero de Cessé, Divan Ferreira, Geraldo Coco e Niquinha, secretário de Administração Tiago Guerra, Secretário de Transportes José Matias, secretário de Esportes e Cultura Cabeludo.
Por Ascom/Inhapi


sexta-feira, 26 de maio de 2017

Pondera a vereda dos teus pés e todos os teus caminhos sejam retos. Prov. 4:26


Se aquela tarde eu não tivesse parado para pensar, teria continuado a viagem pelo caminho errado e quando descobrisse, talvez seria tarde.

Ponderar, pensar, meditar e avaliar são ações necessárias na estrada  da vida. Vivemos num mundo de muitos caminhos. Alguém trocou os sinais da estrada. Achando que estamos na direção certa, podemos estar aproximando-nos da morte.

Quão bom é Deus que nos deu o tempo dividido em dias, semanas, meses e anos. É como se dissesse: “Estas são paradas para você ponderar.” Você percebe que a noite é inevitável.  O sol se esconde e aparecem as sombras como um convite natural para o descanso. O que você faz antes de dormir? O que costuma a fazer? Que pensamentos ocupam sua mente?

“Pondera a vereda dos teus pés,” é o conselho divino. O que deu certo e o que deu errado? O que pode melhorar? O que pode ser deixado de lado? É preciso fazer um desvio do plano original? Quantas vezes o piloto tem que mudar  a rota de vôo, porque surge uma tempestade ameaçadora. Esta vida está cheia de tempestades e perigos. A maravilha do cérebro humano é que ele pode “reprogramar-se” a fim de enfrentar as tormentas da vida.

Pondere. Ponderar e avançar com segurança. Avalie. Não existe empresa, família ou indivíduo que tenha possibilidade de chegar seguro ao alvo desejado sem avaliar os procedimentos.

Qual é o rumo de sua vida até aqui? Está conduzindo a família de jeito que você planejou antes do casamento? Nunca é tarde para começar de novo, quando você percebe que tomou o caminho errado.

Hoje é um novo dia. Há sol, há vida. Há pessoas correndo atrás dos seus sonhos. Não é verdade?  Onde você vive está escuro por causa das nuvens? Não importa, de todos  modos olhe para fora. Abra a janela de sua vida. Não se feche. Abra-se para Jesus porque apesar da tormenta o sol continua brilhando por cima das nuvens.

Essa dor que o perturba, vai passar. Esse problema que o preocupa tem solução. Porque Jesus está no controle de sua vida, ou não está? Para ter certeza: “Pondera a vereda dos teus pés e todos os teus caminhos sejam retos.”

Alejandro Bullón

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Prefeito Zé Cícero realiza entrega de Kit Enxoval a grupo de gestantes do PAIF


Por Ascom/Inhapi

Nesta quarta, (24), às 9h o prefeito Zé Cícero esteve no Centro de Referência de Assistência Social - CRAS, onde aconteceu o IV Encontro do Grupo de Gestantes que estão inseridas no Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família - PAIF, serviço este que realiza um trabalho social, de caráter continuado, com a finalidade de fortalecer a função projetiva da família, prevenir a ruptura de seus vínculos, promover seu acesso e usufruto de direitos e contribuir na melhoria de sua qualidade de vida.

Os encontros são realizados mensalmente pelas Assistentes Sociais Cristiane Lima e Mirelle Pacífico que desenvolvem atividades socioeducativas. Na oportunidade o prefeito Zé Cícero anunciou que a partir desse mês, as gestantes com participação ativa no grupo, pré natal em dia, e que estiverem no nono mês de gestação, receberão o benefício eventual - auxílio natalidade, que consiste em um kit enxoval para o bebê.

Essa é mais uma conquista na garantia dos direitos socio/assistenciais promovida pela Gestão do Prefeito Zé Cícero juntamente com a Secretária de Assistência Social Christianne Barros


quarta-feira, 24 de maio de 2017

Câmara aprova proposta que regulamenta atribuições de agentes de saúde

O relator flexibilizou a exigência de ensino médio para exercício da atividade, contida no texto inicial

A proposta que define as atribuições profissionais dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de combate às endemias foi aprovada, nesta quarta-feira (24), pela comissão especialda Câmara dos Deputados que analisa a matéria. A proposta segue para o Senado, caso não haja recurso para apreciação pelo Plenário da Câmara.

O texto aprovado foi o substitutivo do deputado Valtenir Pereira (PMDB-MT) ao Projeto de Lei 6437/16, do deputado Raimundo Gomes de Matos (PSDB-CE). 

A aprovação foi celebrada por centenas de agentes comunitários, que compareceram à Câmara para acompanhar a votação. Por sugestão do relator, a proposta foi batizada de Lei Ruth Brilhante, em homenagem à agente de saúde que se tornou símbolo da luta por direitos da categoria, e faleceu há poucos dias.

A proposta redefine as atribuições dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de combate às endemias, diferenciando atividades privativas, supervisionadas, compartilhadas e integradas.

O relator flexibilizou a exigência de ensino médio para exercício da atividade, contida no texto inicial. De acordo com o substitutivo, os profissionais que já atuam como agentes comunitários e que não tenham concluído o nível médio poderão permanecer na atividade. “Tal excepcionalidade visa tanto a resguardar os direitos dos atuais profissionais quanto a proteger a comunidade por eles assistida, assegurando a continuidade de sua atuação”, justifica Valtenir Pereira.

Ainda segundo o texto, em localidades onde não haja candidatos com ensino médio suficientes para o preenchimento das vagas de agente comunitários poderão ser aceitos candidatos com ensino fundamental, que deverão comprovar a conclusão do ensino médio no prazo máximo de três anos.

Curso técnico 
Para o exercício da atividade de agente comunitário, o projeto de lei exige, além do ensino médio, curso de formação inicial de 40 horas e curso de aprimoramento de 200 horas a cada 24 meses de atuação. 

Adicionalmente, o substitutivo obriga estados, Distrito Federal ou municípios a oferecerem curso técnico de 1.200 horas aos agentes comunitários de saúde e de combate a endemias.

Jornada de trabalho 
O substitutivo divide a jornada de trabalho de 40 horas do agente comunitário – já prevista na lei atual – em 30 horas semanais para as atividades externas de visita domiciliar e outras ações de campo e 10 horas semanais para atividades de planejamento e avaliação das ações, entre outras. 

O relator ressalta que os agentes comunitários, por exercerem papel de liderança, muitas vezes são procurados pela comunidade fora do horário de expediente para solucionarem situações as mais diversas.

Indenização de transporte 
Valtenir Pereira também destaca que muitos agentes comunitários têm feito uso de seus meios próprios de locomoção nas suas áreas de atuação sem, no entanto, receberem qualquer reparação pelos custos envolvidos. Por isso, ele acrescenta o direito à indenização de transporte à proposta.

Área de atuação
Hoje a Lei 11.350/06 determina que o agente comunitário de saúde resida na área da comunidade em que atua. O substitutivo de Valtenir Pereira, no entanto, permite ao servidor morar em local diverso quando houver risco à integridade física do agente ou de membro de sua família, em decorrência de ameaça por parte de membro da comunidade em que atue. 

Além disso, o texto permite que o agente não more na comunidade onde trabalha no caso de aquisição de casa própria em localidade distinta.

Contratação temporária
Embora a Lei 11.350/06, seja clara quanto à obrigatoriedade de vínculo direto entre os agentes comunitários de saúde e de combate às endemias e os entes da Federação, o relator observa que “a contratação temporária ainda impera em todo o País”. 

Para auxiliar na solução do problema, o substitutivo estabelece a que Defensoria Pública e o Ministério Público promoverão as medidas cabíveis para impedir a contratação temporária e assegurar a regularização do vínculo direto com o Poder Público.

segunda-feira, 22 de maio de 2017

como fiscalizar os vereadores

Os vereadores foram eleitos. Nossa participação política não se encerrou no voto. O próximo passo é a fiscalização dos vereadores. Vamos às dicas!
  • Para quem não sabe, a Constituição Federal, no artigo 31, parágrafo 3º diz que todos podem ter acesso às contas públicas, que devem ficar à disposição para consulta pela população, inclusive pela internet. As contas públicas podem ser questionadas;
  • As reuniões que acontecem na Câmara de Vereadores são abertas ao público. Você pode acompanhá-las, mas não se manifestar. O dia e horário em que ocorrem podem ser obtidos, por exemplo, no site da câmara do seu Município;
  • A Controladoria Geral da União, através do seu site www.cgu.gov.br, lançou uma cartilha chamada “Olho Vivo no Dinheiro Público – Controle Social”, que pode ser baixada gratuitamente. Serve como guia de aprendizado do exercício desse controle e fiscalização, individualmente ou em organização social, que é meio de participação da população;
  • A consulta periódica ao site da Câmara de Vereadores do seu Município também é meio eficaz para exercer essa fiscalização. Lá devem estar publicados os gastos públicos, os projetos de lei já votados e ainda na fila de votação. Enfim, toda a atividade da Casa. A palavra de ordem é transparência;
  • O cidadão pode comparecer às audiências públicas realizadas pela Câmara Municipal, pela qual são discutidos os assuntos importantes para a comunidade e é um meio legítimo de participação popular, podendo, aí sim, o cidadão manifestar sua opinião, discutir o tema, obter informações, fazer propostas, tirar dúvidas etc.;
  • Participar e divulgar os movimento sociais já existentes, que exercem exatamente essa função de controle e fiscalização, como o Movimento Voto Consciente, o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral, o Adote um Vereador etc. Neste último, por exemplo, o cidadão escolhe um vereador para acompanhar suas atividades parlamentares e publicá-las em um blog, incluindo os seus comentários (www.adoteumvereadorsp.com.br). Procure um movimento social na sua cidade ou crie um!
  • Envie e-mail diretamente ao vereador. O endereço pode ser obtido no site da Câmara. Cobre suas promessas de campanha e outras necessidades da população. Ele está lá para isso;
  • Utilize as redes sociais para divulgar os trabalhos sociais em prol do controle político, da fiscalização. Denuncie.

MPC avisa que Padre Eraldo e Kel podem responder por improbidade administrativa

Ministério Público de Contas recomendou que gestores forneçam informações públicas solicitadas pelos cidadãos; em caso de descumprimento, poderá haver representação ao TCE e ao MPE por ato de improbidade
O Ministério Público de Contas (MPC) recomendou ao prefeito de Delmiro Gouveia, Padre Eraldo (PSD), e ao presidente da Câmara de Vereadores, Ezequiel de Carvalho Costa, mais conhecido como Kel (PSB), que forneçam imediatamente as informações solicitadas pelo empresário João Edson Barros Viana, com base na Lei de Acesso à Informação (LAI) e outros dispositivos legais. O MPC recomendou ainda que a prefeitura mantenha atualizado o portal da transparência municipal.

As recomendações 001/2017 e 002/2017, encaminhadas, respectivamente, à Prefeitura e à Câmara, foram publicadas no Diário Oficial Eletrônico do Tribunal de Contas do Estado de Alagoas da última quinta-feira (18).
Conforme o documento assinado pelo procurador Gustavo Henrique Albuquerque Santos, do MPC, em caso de descumprimento por parte da Prefeitura e da Câmara, o órgão poderá fazer representações ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) e ao Ministério Público Estadual (MPE) para que o prefeito e o presidente da Câmara respondam por ato de improbidade administrativa.

“As medidas adotadas visando ao cumprimento das recomendações deverão ser informadas ao Ministério Público de Contas, mediante o envio de documentos comprovantes, logo após cumpridas, sendo o prazo máximo de 30 (trinta) dias”, diz o documento publicado pelo procurador do MPC.

Relembre o caso
O empresário delmirense João Edson Viana denunciou nas redes sociais, na manhã do dia 15 deste mês, que a Prefeitura e a Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia estão descumprindo a Lei de Acesso à Informação (LAI) e outros dispositivos que permitem ao cidadão obter informações de órgãos públicos.

Ele disse que, com base na Constituição Federal, em dispositivos e leis que garantem o acesso de qualquer cidadão a informações, solicitou dos dois órgãos documentos referentes a orçamento, pagamentos, contratos efetivados, recursos recebidos, entre outros.
Porém, decorrido o prazo legal de 20 dias e mais outros 10 dias que ainda esperou, ele não recebeu nenhuma documentação, nem da Prefeitura nem da Câmara.

Por não ter recebido as informações solicitadas, ele disse que fez denúncia aos seguintes órgãos de fiscalização: Procuradoria Geral de Justiça (PGJ), Ministério Público Estadual (MPE), Ministério Público de Contas (MPC), Ministério Público Federal (MPF), Ouvidoria do TCE/AL, Tribunal de Contas Alagoas (TCE/AL), Tribunal de Contas da União (TCU) e Controladoria Geral da União (CGU).

A Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Delmiro Gouveia informou que a documentação solicitada por João Edson já se encontrava à disposição dele na Procuradoria Geral do Município. Caso quisesse ter acesso, ele poderia ir até o local e obter os documentos com o procurador geral Victor Fernandes dos Anjos Carvalho. João Edson foi até lá, porém, recebeu um documento dizendo que os dados ainda não estavam disponíveis. Mais uma vez, o empresário divulgou a situação nas redes sociais.

Já a Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia, por sua vez, publicou a seguinte nota: “O presidente da Câmara de Vereadores de Delmiro Gouveia, Ezequiel de Carvalho Costa (Kel), ressalta que as solicitações, quando recebidas , foram imediatamente encaminhadas ao setor responsável para responder a todos os questionamentos. A Casa Legislativa não tem nenhuma razão para omitir qualquer informação e estará sempre a disposição para o que se fizer necessário”.

Até agora, porém, o empresário disse que não recebeu as informações que solicitou nem da Prefeitura nem da Câmara de Delmiro Gouveia.

Fonte correio Noticia 

domingo, 21 de maio de 2017

FAZE-ME JUSTIÇA Ó DEUS

Faze-me justiça, ó Deus, e pleiteia a minha causa contra a nação contenciosa; livra-me do homem fraudulento e injusto. Sal 43:1

Outro dia uma senhora perdeu a guarda do filho só porque o marido tinha muito dinheiro e contratou os melhores advogados. A senhora estava revoltada e decidiu fazer um trabalho de macumba contra o marido. Foi nessas circunstâncias que ela conheceu o evangelho e aceito a Jesus.

Para aquela mulher e tantas outras pessoas que sofrem injustiças, a oração do salmista deve ter muito sentido. Fraude e injustiça andam de mãos dadas. O fraudulento usa a mentira, o disfarce, o engano e a astúcia como armas. Compra consciências e acha que tem o controle das vidas.

Quando você é vítima de alguma injustiça pode chegar até o  fundo do poço. Era assim que Davi se sentia. Ele diz no verso dois: “Por que me rejeitas? Por que hei de andar eu lamentando sob a opressão dos meus inimigos?”

Rejeição e opressão. Não há nada mais doloroso que se sentir rejeitado. Nada mais humilhante que estar oprimido. A vítima da injustiça perde a auto-estima e cai na depressão.

Aonde vão os filhos de Deus diante das adversidades? Quando você acha que a vida não está sendo justa com você, quando bate as portas das oportunidades e todas se fecham?

O salmista sabia aonde ir. Ele implora a Deus por justiça. “Faze-me justiça ó Deus..” clama. Fazer justiça, do verbo hebraico shapat tem um sentido jurídico. Shapat expressa a atividade de uma pessoa que atua como intermediária entre duas partes que estão em conflito.

Na vida espiritual também existe um conflito permanente. Não é justo o que o inimigo faz com os filhos de Deus nesta terra. Não é justa a maneira como ele destrói famílias, estraçalha sonhos, e acaba com as pessoas.

A morte de Cristo na cruz do calvário foi a resposta divina ao clamor humano, Nunca houve e nunca haverá ato vindicatório maior que o sacrifício de Jesus na cruz.

Por isso hoje, não se sinta diminuído diante das injustiças da vida. Levante a cabeça, olhe o horizonte de oportunidades que Deus apresenta diante de você e clame: “Faze-me  justiça. ó Deus, e pleiteia a minha causa contra a nação contenciosa; livra-me do homem fraudulento e injusto.”   

Alejandro Bullón