27/02/22

Prefeitura de Mata Grande irá investir R$: 180 mil reais em políticas de segurança pública para criação e fortalecimento da Guarda Civil Municipal.

 

GCM será formada após a posse dos aprovados no concurso público\2019 que acontece na próxima quarta-feira (03). 

Por: Redação\Marcio Martins 

Foi publicado na Edição nº 1740 da última sexta-feira (25) do Diário Oficial dos Municípios de Alagoas, um Extrato de Contrato por Inexigibilidade de Licitação com a empresa RADS GESTÃO CONSULTORIA E PLANEJAMENTO LTDA com sede em Maceió\AL, que tem por objeto a contratação de empresa especializada para prestação contínua de serviços técnicos especializados no desenvolvimento de projetos e políticas de segurança pública e institucionalização da Guarda Municipal com vistas o fortalecimento social no município de mata grande\AL no valor de R$: 180.000,00 (cento e oitenta mil reais) com vigência de um ano, a partir da assinatura do contrato em 23\02\2022 pelo Prefeito Erivaldo Mandú e Sr. Robson Manuel Dantas da Silva/contratado.  


Vale salientar que o município de Mata Grande ainda não tem GCM – Guarda Civil Municipal, mas, que, porém, será formada após a posse dos aprovados no concurso público\2019 que acontece na próxima quarta-feira (03).


A segunda mais barata da cidade já está pronta esperando por você, é amanhã, vem economizar no barateiro, aqui você tem motivos para economizar todo dia!

 



23/02/22

[Ameaças, intimidação, constrangimento ilegal e processos infundados] Os riscos e a tentativa de criminalização da atividade jornalística no Alto Sertão de Alagoas.

 


Minha solidariedade ao combativo repórter Adriano Maciel.

Você pode não concordar com o Jornalista, não gostar da notícia veiculada ou da opinião do mesmo sobre o fato, pode também criticar sua forma de agir, o veículo de imprensa para o qual trabalha, pode não dar credibilidade a sua atuação jornalística ou até mesmo discordar dos seus posicionamentos políticos partidários. Agora, sair dessa linha para instigar ou mesmo praticar qualquer tipo de ameaça, intimidação, constrangimento ilegal ou mesmo usar a justiça de forma indevida com a abertura de processos judiciais completamente “sem pé e nem cabeça” com o único objetivo de desestabilizar psicologicamente e financeiramente o profissional de imprensa, isso não faz de você um cidadão inconformado com uma suposta manipulação da informação, em busca dos seus “direitos”, mas sim, um covarde que acha que “tem o rei na barriga” independentemente do cargo que ocupa, principalmente quando se trata de um babão de político corrupto, coronel ou servidor público que pago pelo povo faz da sua sanha autoritária inimigo desse mesmo povo que coloca o pão na mesa da casa dele ou dela e que o mínimo que deveria fazer, era tratar com educação as pessoas independentemente de cor, raça, religião, profissão ou se desempregado. 

Por todo o exposto, e pela experiência de sentir na pele todos os dias os riscos da profissão, o autoritarismo, a perseguição e criminalização da atividade jornalística no alto sertão de Alagoas, o que é bem diferente de meras críticas, mas sim ser alvo rotineiramente de ameaças, intimidação e principalmente do uso indevido da justiça e da máquina pública para o bel prazer de parte da classe política coronelista alto sertaneja, processado 32 vezes por 05 secretários, 01 prefeito e 10 vereadores de uma única vez, todos vencidos na primeira instância, jamais poderia me calar diante das barbaridades cometidas contra a atividade jornalística no alto sertão de Alagoas, contra a liberdade de expressão e de imprensa consagradas na Carta Magna deste país a Constituição Federal que assegura: 

Art. 5º - Incisos 

IV – É livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato; 

IX - É livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença; 

XIV - É assegurado a todos o acesso à informação e resguardado o sigilo da fonte, quando necessário ao exercício profissional;

Art. 220 - A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição. 

Mais claro do que a luz do sol, o texto constitucional não permite qualquer tipo de censura, ameaça e ou criminalização da liberdade de expressão e de imprensa e muito menos a integridade física da classe jornalística. Uma pena que no alto sertão de Alagoas em pleno Século XXI, a prática coronelista e autoritária ainda seja usada para intimidar e tentar calar a imprensa, principalmente os profissionais que muitas vezes arriscam a própria vida pelo simples fato de “ousar” informar o que o “sistema” não quer que o povo saiba. 

Por fim, sem entrar no mérito do caso ou de qualquer outro em específico, registo aqui a minha solidariedade ao combativo Repórter Adriano Maciel que está sendo processado e segundo ele, ameaçado de morte, por simplesmente exercer a sua atividade jornalística e resguardar o sigilo da fonte. 

“O bom Jornalista jamais se curvará a tirania dos que se acham imunes às críticas e pensam que o poder é eterno” [Marcio Martins – Escritor & Jornalista]

MARCIO MARTINS

Residente no pequeno município de Canapi localizado no alto sertão do Estado de Alagoas, o Jornalista José Marcio Rodrigues Martins [REG. PROFISSIONAL: 0002126\AL], iniciou no Jornalismo Digital em 2011 com a criação do primeiro blog de notícias de Canapi na internet o "Canapi Agora". Em 2013 concluiu o curso de Jornalismo Online e em 2021 o de Jornalismo Investigativo com certificação reconhecida pela ABED - (Associação Brasileira de Educação a Distância) e se tornou membro associado da ABJ - Associação Brasileira de Jornalismo. Com passagem por diversos sites do Estado de Alagoas, tais como: Rota do Sertão,  Editora Guia Mais, Mais Notícias, Correio Notícias e pelo Portal Minuto Sertão do Grupo Cada Minuto onde ganhou o prêmio Evandro Cardoso de Jornalismo na categoria "blog mais acessado". Marcio Martins que em 2022 completou 11 anos de atuação no Jornalismo Investigativo e Independente e que já ultrapassou a marca de 5.000 artigos e matérias publicadas, atualmente integra a equipe de redação do site Central do Sertão, é também escritor, autor do Livro IndignAÇÃO e membro efetivo da ACALA - Academia Arapiraquense de Letras e Artes, onde em breve pretende emplacar seu segundo livro, desta vez reunindo uma coletânea das GRANDES REPORTAGENS de sua carreira.

LEIA TAMBÉM!

Prefeito “veaco” pague o dinheiro dos professores!

[CAEM AS MÁSCARAS!] Prefeitos já não escondem mais que são os maiores inimigos dos professores.

[EXCLUSIVO!] Fundeb das prefeituras de Canapi, Inhapi e Mata Grande terá acréscimo de R$: 22,7 Milhões de reais em 2022 garantindo o reajuste de 33,24% para os professores.

[EXCLUSIVO!] Professor temporário “misterioso” tinha salário de até R$: 4,5 mil e recebeu quase R$: 40 mil reais em 2020 sem dar aula em Canapi.

Prefeitura de Delmiro Gouveia é transformada em “herança de família e agregados”.

O trabalho que virou crime em Delmiro Gouveia na pandemia.

FOLHA DE PAGAMENTO: A “caixa preta” das Prefeituras de Canapi e Mata Grande.


22/02/22

CETE - Centro Educacional e Terapêutico Evoluir recebe doação de brinquedos, livros e jogos pedagógicos da ONG Cactus/Visão Mundial em Inhapi.

Material vai auxiliar no atendimento, no tratamento e na aprendizagem das crianças atendidas pela entidade.

Por: Redação

O CETE - Centro Educacional e Terapêutico Evoluir entidade especializada em reabilitação de crianças e adolescentes com algum tipo de necessidade especial, localizado no município de Inhapi no alto sertão de Alagoas, recebeu nesta terça-feira (22), uma importante doação em brinquedos, livros e jogos pedagógicos que vão auxiliar no atendimento, no tratamento e na aprendizagem das crianças atendidas pela entidade.

Além dos materiais pedagógicos, a ONG Cactus/Visão Mundial também realizou a doação de álcool em gel para ajudar na prevenção ao contágio da Covid-19.

"Agradeço imensamente a doação recebida, que com certeza irá ajudar bastante no tratamento das nossas crianças" - Disse a Coordenadora do CETE Suely Lima. 

Jovem de 19 anos da cidade de Canapi ministra monitoria de redação e 08 dos seus 10 alunos tiram notas entre 820 e 960 pontos na redação do Enem\2021.

 

Wendel Ferreira é estudante do curso de letras da UFAL, trabalha como monitor e corretor de redação, mas se define mesmo é como um “viciado” em fazer seus alunos alcançarem boas notas em redação. 

Por: Redação\Marcio Martins 

Se uma escola inteira comemorando o bom desempenho de seus alunos e ex-alunos no Enem já é algo a se comemorar e exaltar o excelente trabalho e dedicação dos profissionais da educação da mencionada instituição de ensino, o que dizer então de um estudante de apenas 19 anos que resolve ministrar uma monitoria online de redação e consegue emplacar 08 dos seus 10 alunos dos municípios de (Santana da Ipanema, Maravilha, São José da Tapera, Olho d'Água das Flores e Capiá da Igrejinha\Canapi) com notas entre 820 e 960 pontos na redação do Enem\2021? 

Pois bem; conheça agora um resumo da história do jovem Wendel Ferreira da cidade de Canapi, que com apenas 19 anos, residente na zona rural da cidade, conseguiu um feito nunca antes visto no munícipio e porque não dizer, em todo o estado de alagoas, que foi aprovar em redação com notas bastante elevadas, 80% dos alunos da sua monitoria. 

Em conversa com o Jornalista Marcio Martins, Wendel que é filho de uma professora e de um agricultor, residentes no Povoado Capiá da Igrejinha, contou que iniciou o curso com 14 alunos, mas que 04 desistiram, porém, dos 10 (dez) que permaneceram, 08 (oito) conseguiram tirar entre 820 e 960 pontos na redação do Enem\2021. Já os outros 02 (dois) alunos da monitoria, de acordo com Wendel, são treineiros e até o fechamento desta matéria não tinham divulgado suas respectivas notas. 

Perguntado sobre o que achou do desempenho dos seus alunos, bem como o seu próprio desempenho na monitoria, Wendel declarou: “Fiquei muito feliz com a nota de todos, porque foi um trabalho - em conjunto - feito com amor, carinho e dedicação. Sempre disse a eles que era possível alcançar uma boa nota na redação e agradeço muito por terem confiado e acreditado no que eu dizia”

Vale ressaltar, que apesar da pouca idade, o jovem Wendel Ferreira é Técnico em Administração pelo Instituto Federal de Alagoas (IFAL), ex-monitor de literatura e língua portuguesa pela mesma instituição, e estudante de Letras da UFAL – Universidade Federal de Alagoas (UFAL), mas antes disso, como ele próprio se define... um “viciado” em fazer seus alunos alcançarem boas notas em redação. 

Sim! Já íamos esquecendo... Até pela pouca idade, satisfazendo a curiosidade do Jornalista Marcio Martins, Wendel também falou sobre o seu próprio desempenho na redação do Enem, e para nossa NÃO SURPRESA, disse que esta foi à terceira edição consecutiva do Enem em que conseguiu tirar 960 pontos na redação. 

Agora quer conhecer mais sobre a Monitoria de Redação do Jovem Wendel Ferreira e como se inscrever? Acesse o Instagram.: @escrevendocomwendel ou entre em contato pelo WhatsApp.: (82) 981685084.

 

 

Escola Municipal de Mata Grande é selecionada para participar do maior Programa Internacional de Avaliação de Estudantes do mundo.

 

Conhecido como PISA, o programa tem por objetivo produzir indicadores que contribuam para a discussão da qualidade da educação nos países participantes, de modo a subsidiar políticas de melhoria do ensino básico. No Brasil foram 670 escolas selecionadas, sendo apenas 12 em Alagoas. 

Por: Redação\Marcio Martins 

A Escola Municipal de Educação Básica Professora Maria Olina Soares, localizada no município de Mata Grande no alto sertão de Alagoas, foi uma das escolas do Brasil selecionadas para participar do maior Programa Internacional de Avaliação de Estudantes do mundo, o PISA – (Programme for International Student Assessment) feita com estudantes de 15 anos, de três em três anos. Os testes são de Leitura, Matemática e Ciência.

Para se ter uma ideia do quão relevante é para a Escola Maria Olina em Mata Grande ter sido selecionada para participar do programa, das 179.533 Escolas de Ensino Básico existente no Brasil, apenas 670 foram selecionadas para participar da avaliação, sendo apenas 12 do Estado de Alagoas.

“É um desafio e ao mesmo tempo um privilégio ter nossa escola selecionada para representar a região na avaliação do PISA. Estamos cientes que tivemos um déficit na aprendizagem nesses últimos dois anos por conta da pandemia, mas estamos todos empenhados para auxiliar nossos alunos nessa avaliação, que também irá nos ajudar para compreender e planejar o processo de recomposição da aprendizagem” – Disse o Diretor da Unidade de Ensino Profº Edjof Barboza. 

A realização do exame é feita pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) com seus países membros e convidados. O Brasil é convidado desde a primeira edição, no ano 2000. 

Desde que foi criado, o Pisa já levou a mudanças importantes em políticas educacionais em vários países, como Alemanha, Portugal e muitos asiáticos, que se surpreenderam com os resultados iniciais. A avaliação também ajudou a nortear provas feitas pelos próprios países em suas redes, inaugurando uma era de testes feitos com estudantes para medir sistemas de educação. 

Além disso, o PISA foi uma prova inovadora, ao avaliar competências e habilidades e menos conteúdo, o que influenciou a maneira de pensar educação no mundo todo. No entanto, os críticos da avaliação sustentam que o Pisa levou países a adaptarem seu ensino apenas para se saírem bem nos testes da OCDE.

19/02/22

[FAÇA O QUE EU DIGO, MAS NÃO FAÇA O QUE EU FAÇO!] Prefeito de Canapi descumpre o próprio decreto ao realizar evento de inauguração de UBS.

 

No dia 04 de Fevereiro, Vinicius Lima decretou a suspensão da realização de eventos urbanos e rurais, públicos e privados no município independente do número de pessoas até o final do corrente mês. 

Por: Redação 

Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço! Esse deveria ser o slogan da gestão do Prefeito Vinícius Lima em Canapi no alto sertão de Alagoas, que neste sábado (19), deu uma verdadeira aula de hipocrisia e porque não dizer, de autoritarismo, visto que, o que está proibido para a população, não se aplica ao mesmo. 

Um decreto assinado pelo gestor canapiense datado do dia 04 de Fevereiro de 2022, suspendeu a realização de eventos urbanos e rurais, públicos e privados em todo território municipal independente do número de pessoas até o final do corrente mês, prejudicando duramente os artistas da terra e os trabalhadores do setor de eventos que foram impedidos pelo prefeito de simplesmente trabalhar para sustentar suas famílias. 


Todavia, se por um lado os munícipes mesmo prejudicados vinham cumprindo o que foi decretado pelo prefeito sob a alegação de conter o avanço da pandemia, quem imaginaria que justamente o prefeito, parte de sua equipe de governo e alguns vereadores, descumpririam o próprio decreto municipal, ao promover a inauguração de uma UBS no Bairro Mutirão que homenageou o saudoso vereador Saulo Barbosa, que faleceu no ano passado vítima justamente da Covid-19? 

O evento ainda contou com a presença do Deputado Federal Arthur Lira - Presidente da Câmara dos Deputados que chegou ao município de Helicóptero esbanjando luxo e poder em terras massacradas pela pobreza e pela miséria resultante dos seguidos escândalos de corrupção em gestões anteriores, protagonizadas inclusive pelo pai do atual prefeito condenado na Operação Gabiru por desvios de recursos da merenda escolar em Canapi no ano de 2005 quando era prefeito, e que hoje, se anuncia como pré-candidato a Deputado Estadual. 

“Canapi só pega covid no nosso show! Parabéns secretário de saúde, parabéns secretário da vigilância sanitária pelo o decreto” – Desabafou um músico canapiense nos grupos de Whatsapp indignado com a hipocrisia do governo.

Prefeito “veaco” pague o dinheiro dos professores!

 


Depois dos prefeitos ladrões que literalmente roubaram milhões de reais recebidos de precatórios do Fundef em Alagoas, agora os protagonistas do momento, são os “Prefeitos Veacos” que mesmo com o dinheiro dos professores em conta e com a autorização constitucional para pagamento dos 60% dos recursos, insistem em usurpar o direito dos educadores. 

Em Alagoas foram R$: 500 milhões de reais recebidos em precatórios do antigo Fundef, sendo R$: 300 milhões relativo à parcela dos 60% destinada para pagamento dos professores, mas que nenhum prefeito alagoano pagou até hoje sob a justificativa da falta de uma decisão definitiva da justiça para rateio aos educadores. Até ai tudo bem! Contudo, muito embora essa decisão não tenha vindo da justiça, mas sim do Congresso Nacional que promulgou a Emenda Constitucional nº 114 de 16 de Dezembro de 2021, inserindo na Constituição Federal o direito dos professores aos 60% dos precatórios do antigo Fundef, alguns prefeitos alagoanos passaram a inventar uma desculpa mais esfarrapada do que a outra para não pagar os professores. A maioria destes gestores chega ao cúmulo de argumentar que a lei não retroage, mas como não, se Emenda Constitucional foi criada justamente com esse objetivo, ou seja, de garantir em definitivo o direito dos professores a parcela dos 60% dos precatórios do antigo Fundef? 

Vale destacar, que o Fundef vigorou entre 1996 e 2006 e deu sequência ao atual Fundeb. É o principal mecanismo de financiamento da educação básica. Os recursos dos precatórios se referem a um erro que o Ministério da Educação cometeu no cálculo em 1998, quando deixou de repassar R$ 90 bilhões aos municípios. 

Por todo o exposto, a exceção dos gestores que desde a aprovação da Emenda Constitucional nº 114 vem dialogando com os professores e que já deram andamento no processo de pagamento do rateio, aos demais, que permanecem inventado desculpas e compartilhando mentiras para não pagar, encerro com a seguinte cobrança: 

Prefeito “veaco” pague o dinheiro dos professores!


MARCIO MARTINS

Residente no pequeno município de Canapi localizado no alto sertão do Estado de Alagoas, o Jornalista José Marcio Rodrigues Martins [REG. PROFISSIONAL: 0002126\AL], iniciou no Jornalismo Digital em 2011 com a criação do primeiro blog de notícias de Canapi na internet o "Canapi Agora". Em 2013 concluiu o curso de Jornalismo Online e em 2021 o de Jornalismo Investigativo com certificação reconhecida pela ABED - (Associação Brasileira de Educação a Distância) e se tornou membro associado da ABJ - Associação Brasileira de Jornalismo. Com passagem por diversos sites do Estado de Alagoas, tais como: Rota do Sertão,  Editora Guia Mais, Mais Notícias, Correio Notícias e pelo Portal Minuto Sertão do Grupo Cada Minuto onde ganhou o prêmio Evandro Cardoso de Jornalismo na categoria "blog mais acessado". Marcio Martins que em 2022 completou 11 anos de atuação no Jornalismo Investigativo e Independente e que já ultrapassou a marca de 5.000 artigos e matérias publicadas, atualmente integra a equipe de redação do site Central do Sertão, é também escritor, autor do Livro IndignAÇÃO e membro efetivo da ACALA - Academia Arapiraquense de Letras e Artes, onde em breve pretende emplacar seu segundo livro, desta vez reunindo uma coletânea das GRANDES REPORTAGENS de sua carreira.

LEIA TAMBÉM!

[CAEM AS MÁSCARAS!] Prefeitos já não escondem mais que são os maiores inimigos dos professores.

[EXCLUSIVO!] Fundeb das prefeituras de Canapi, Inhapi e Mata Grande terá acréscimo de R$: 22,7 Milhões de reais em 2022 garantindo o reajuste de 33,24% para os professores.

[EXCLUSIVO!] Professor temporário “misterioso” tinha salário de até R$: 4,5 mil e recebeu quase R$: 40 mil reais em 2020 sem dar aula em Canapi.

Prefeitura de Delmiro Gouveia é transformada em “herança de família e agregados”.

O trabalho que virou crime em Delmiro Gouveia na pandemia.

FOLHA DE PAGAMENTO: A “caixa preta” das Prefeituras de Canapi e Mata Grande.


18/02/22

Câmara de Vereadores de Inhapi aprova criação de duas novas secretarias municipais.

Projetos de lei de autoria do Poder Executivo Municipal dispõem sobre a Secretaria de Governo e da Secretaria de Esportes, que foi desmembrada da Secretaria de Cultura e Lazer.

Por: Assessoria/CMVI

A Câmara Municipal de Vereadores de Inhapi sobre o comando do seu Presidente, o vereador Gilson Tenório (PP), aprovou nesta sexta-feira (18), dois Projetos de Lei de autoria do Poder Executivo Municipal que dispõem sobre a criação de duas novas Secretarias Municipais. 

O primeiro projeto de n° 22 de 16 de Fevereiro de 2022, cria Secretaria Municipal de Esportes que deixa de ser apenas uma diretoria da Secretaria de Cultura e Lazer e passa a ter status de Secretaria com a finalidade de promover, coordenar e executar programas, projetos e atividades relacionadas ao esporte para a população do município.

Já o segundo projeto de lei de n° 23 também de 16 de Fevereiro de 2022, cria a Secretaria Municipal de Governo que terá por finalidade, promover, coordenar, executar, programas projetos e atividades relacionadas a estrutura de governo do município.

Lido e colocado em votação em plenário, os PLs foram aprovados por unanimidade entre os vereadores presentes, seguindo agora para sanção do prefeito Tenorinho Malta (PP).

17/02/22

Conheça o Programa AFINE-SE de Emagrecimento com a Dra. Andressa Campos da Clínica Oralfisio em Delmiro Gouveia.


O Programa AFINE-SE é um programa referência no Brasil em saúde, qualidade de vida e emagrecimento. A Dra Andressa campos da Clínica Oralfisio em Delmiro Gouveia tem ajudado muitos pacientes a transformarem suas vidas.


Emagreça sem remédios, sem passar fome e com a ajuda de uma equipe capacitada para te ajudar.

Clínica Oralfisio

WhatsApp (82) 99994-5777

Instagram @andressacamposoralfisio @oralfisiooficial



Além da maior nota do estado, outros três estudantes da Escola Estadual Gentil Malta em Mata Grande também foram destaques no Enem\2021 em Alagoas.

 

As estudantes Érica Malta e Bruna Vilar atingiram 940 pontos e o estudante Emerson Breno 960, todos eles, alunos formados da turma de 2021, colegas de sala da estudante destaque no estado Maelly Oliveira que tirou 980 pontos. 

Por: Redação\Marcio Martins 

E não foi apenas a aluna Maelly Oliveira, da Escola Estadual Gentil Albuquerque Malta que se destacou a nível estadual na Prova de Redação do Enem\2021. Além da maior nota do estado (980 pontos) conquistada pela formada da turma de 2021 da referida escola estadual em Mata Grande, que lhe rendeu o convite da Secretaria de Estado da Educação para o evento de abertura do ano letivo 2022 da rede estadual de ensino de Alagoas nesta quinta-feira (17), que foi notícia aqui no site Central do Sertão (veja aqui), outros três estudantes da Escola Estadual Gentil de Albuquerque Malta localizada no município de Mata Grande no alto sertão do estado de Alagoas também se destacaram com excelentes notas na Prova de Redação do Enem\2021. 

Foram eles: As estudantes Érica Malta e Bruna Vilar atingiram 940 pontos e o estudante Emerson Breno 960, todos eles, alunos formados da turma de 2021, colegas de sala da estudante destaque no estado Maelly Oliveira que tirou 980 pontos. 

No caso da Aluna Erica Malta, dias depois da realização da prova, a estudante chegou a gravar um vídeo que também foi notícia aqui no site Central do Sertão (relembre aqui), no qual a jovem agradeceu ao Presidente do Instituto de Identificação do Estado de Alagoas Anízio Amorim, ao prefeito Erivaldo Mandú, ao seu avô Vereador Ivan Malta e ao Presidente da Câmara Municipal de Vereadores Rodolfo Izidoro pela realização da Campanha “Meu RG na mão” que involuntariamente ajudou a estudante a desenvolver o conteúdo da redação, que teve como tema: "Invisibilidade e registro civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil". 

Embora a abordagem do tema da redação fosse sobre o Registro Civil e não sobre o Registro Geral (RG), ao tratar de Invisibilidade e acesso a cidadania, o tema de fato deu abrangência a toda cadeia da falta de acesso de parte da população brasileira a documentos essenciais para sua cidadania, e o RG (Registro Geral) com certeza é um dos mais importantes. E essa foi a "sacada" que a estudante matagrandense encontrou na hora de desenvolver sua redação, afinal de contas, a mesma abordou algo que ela acompanhou de perto, vendo com seus próprios olhos beneficiar seus conterrâneos, resgatando-os exatamente da invisibilidade e proporcionando cidadania, justamente o que fora proposto no tema da redação do Enem. 

E para falar da emoção e do que representa a conquista dos estudantes matagrandenses, o Jornalista Marcio Martins conversou com a Professora Mara Dantas, mãe do jovem Emerson Breno de 17 anos, que atingiu incríveis 960 pontos na Redação do Enem 2021. 

Para a educadora e mãe do estudante destaque, o sucesso na redação, no caso do seu filho, se deu em grande parte graças a melhor amiga dele, coincidentemente a dona da maior nota do estado, Maelly Oliveira, sua colega de turma, bem como de alguns professores do meio virtual, tais como; o professor Alexandre Magalhães e a plataforma "redação online" e principalmente, do gosto pela leitura que contribui primordialmente. 

“Fico muito feliz em vê os sonhos do meu filho se tornando realidade, através de toda dedicação e esforço por meio dos estudos, abdicou de muitas coisas para alcançar seu desejo. Sempre foi um bom aluno, que gosta de estudar, obtinha boas notas, e o resultado do Enem com certeza é o início de um caminho com realizações. Ao receber a notícia fiquei muito feliz por ele, pois é reflexo do seu empenho, eu e nossa família estamos muito felizes. Agradeço a Deus por essa bênção e creio que será a primeira de muitas” – Disse a Professora e mãe do jovem Emerson, Mara Dantas que conseguir conter a emoção traduzida em cada palavra do seu breve comentário. 

Já o jovem Emerson, comentou: “Durante todos esses anos do colegial estudei em escola pública, vejo essa nota como um reflexo de todo esforço durante o ano de 2021, foram mais de 80 redações que produzi desde o início dos meus estudos no dia 1° de Março até a semana pré-prova. Ensinei reforço escolar, o que me ajudou a fixar os conteúdos... Além disso, assisti muitas palestras, documentários e aulas da área de ciências humanas. Me abstive de bastante coisa, porém em alguns finais de semana eu saía para socializar na casa da minha amiga Maelly. Agradeço a minha família por todo apoio!” – Disse bastante agradecido.




Estudante de Mata Grande conquista a maior nota na redação do Enem em Alagoas.

 
Maelly Oliveira de apenas 16 anos, recém-formada da Escola Estadual Gentil Malta alcançou 980 pontos e foi convidada pelo Secretaria de Estado da Educação para representar os alunos da rede estadual de ensino nesta quinta-feira (17) em Maceió durante evento de abertura do ano letivo 2022.

Por: Redação\Marcio Martins 

É de Mata Grande no alto sertão de Alagoas a maior nota na Redação do Enem\2021 de todo o Estado de Alagoas que teve como tema: "Invisibilidade e registro civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil". A conquista foi da estudante Maelly Oliveira de apenas 16 anos, recém-formada da Escola Estadual Gentil Malta. 

Filha de um agricultor e uma dona de casa, em conversa com o Jornalista Marcio Martins da nossa equipe de redação, Maelly que conseguiu atingir 980 pontos na redação, disse que sua nota representa o reflexo do seu esforço durante os últimos anos para qual se dedicou integralmente focada em garantir o conhecimento necessário para dissertar uma boa redação sobre qualquer tema. Disse ainda que a conquista representa uma marca importante para o seu futuro. 

“Estudei a metodologia da correção da redação do ENEM para compreender como os corretores corrigiriam e com a ajuda dos livros e da internet busquei aprender a estrutura. No dia da prova fiquei surpresa, pois eu não sabia que esse tema era extremamente relevante, mas destaquei meus repertórios socioculturais e minhas teses de acordo com o que eu tinha treinado durante o ano e assim consegui desenvolver bem” – Contou Maelly. 

“Agradeço primeiramente a Deus, mantive minha fé presente durante os meus estudos. agradeço aos meus pais, que se empenharam em me apoiar durante essa jornada. Agradeço aos meus amigos que estiveram comigo compartilhando ideias e possuindo o mesmo sentimento que eu durante essa época e agradeço aos professores virtuais e canais de estudo da internet que me ajudaram durante o período de pandemia” – Concluiu a jovem estudante matagrandense que sonha em seguir carreira na área de saúde e que tem como o maior dos seus sonhos, poder ajudar as pessoas através da sua profissão. 

O Jornalista Marcio Martins também conversou com a professora Susana Freitas, que foi professora de Língua Portuguesa da estudante, o intuito da conversa é entender melhor como a Escola Estadual Gentil Malta tem trabalhado a preparação dos seus alunos para o Enem. O que de acordo com a educadora acontece logo no início do ano letivo com os professores trabalhando as dificuldades da língua fazendo com que o aluno tome gosto pelas produções textuais. “Aos poucos e com paciência vamos preparando esses jovens para enfrentar os desafios, inclusive, este ano, já iniciei minhas aulas pensando no ENEM” – Disse a educadora. 

A professora Susana também contou que no início de março de 2020, teve a oportunidade de corrigir a primeira produção textual de Maely, disse que foi a partir daquele momento que passou a ter certeza que ela ia longe, pois a produção precisou apenas de alguns ajustes, apesar, que, a redação não foi concluída porque logo após veio a pandemia e as aulas foram suspensas. 

Outra educadora de língua portuguesa que também acompanhou a estudante foi à professora Luzimeire Silva, que apesar do pouco tempo de acompanhamento dos alunos por meio virtual, também ajudou em todo processo de ensino-aprendizagem da adolescente. 

Além da estudante e das professoras de língua portuguesa, através da Professora Maria Luzia Cirino que informou tamanha conquista a nossa equipe de redação, Marcio Martins também bateu um papo com a diretora da Escola Estadual Gentil de Albuquerque Malta, Anna Rosália, popular “Aninha”, a qual não escondeu toda sua felicidade pela conquista da estudante e principalmente pelo êxito do trabalho educacional desenvolvido pela direção, pelo corpo docente, administrativo e de apoio da escola... 

“A educação transforma vidas e promove avanços, somente ela é capaz de erradicar a pobreza e melhorar a qualidade de vida. Na Escola Estadual Gentil de Albuquerque Malta, toda a equipe, gestão, articulação, coordenação, professores e funcionários, trabalham incansavelmente e com amor para garantir esse direito aos nossos estudantes, para que tenham mais oportunidades de alcançar seus objetivos. A aluna Maelly Oliveira da Silva é fruto desse trabalho, estudou conosco todo o ensino médio, e mesmo diante de um cenário pandêmico, conseguiu esse feito de ter a maior nota em redação no ENEM de toda a Rede Estadual de Alagoas, fato que mostrou nosso empenho e dedicação e esforço pessoal da aluna. A escola Gentil Malta hoje se destaca com ótima equipe de professores e com os investimentos do governo estadual vem entregando a sociedade futuros profissionais brilhantes” – Disse Anna Rosália – Diretora Geral da Escola Estadual Gentil de Albuquerque Malta. 

CONVITE 

A relevância da conquista da jovem estudante matagrandense foi tamanha, que a jovem foi convidada pela Secretaria de Estado da Educação para representar os alunos da rede estadual de ensino nesta quinta-feira (17) em Maceió durante o evento de abertura do ano letivo 2022. 

No evento, de acordo com s Secretário de Estado da Educação de Alagoas Rafael Brito, a estudante matagrandense atingiu a maior nota no estado e no Brasil, apenas 10 alunos tiraram nota 1.000 na Redação do Enem\2021 sendo 07 deles do nordeste. 



16/02/22

Famílias Rijo & Martins se confraternizam durante reencontro em clima de muita alegria e descontração.

Reencontro aconteceu na Casa do Almoço localizada no Sítio Santa Luzia na serra do município de Mata Grande com a presença de parte das Famílias Alagoana e Pernambucana.

Por: Redação

A tarde do último Domingo (13) foi de muita alegria, descontração e muita, mais muita contação de histórias do passado e do presente vivenciadas por membros de duas tradicionais famílias Alagoana e Pernambucana, as Famílias Rijo (Mata Grande/Canapi) e a Família Martins (Canapi-AL/Itaíba-PE).

O reencontro aconteceu na zona rural de Mata Grande, mais precisamente na Casa do Almoço localizada no Sítio Santa Luzia na serra, com acesso pela conhecida ladeira do hospital e cujo a proprietária Rosilda também é integrante da Família Rijo. 

Muito embora o reencontro não tenha contado com a presença de todos os membros das duas famílias, a presença dos familiares sertanejos, porém, residentes em Campinas\SP, Geneci e Cida, com certeza deixaram recordações inesquecíveis de valorização dos laços familiares e de amizade entre as duas famílias.



15/02/22

[CAEM AS MÁSCARAS!] Prefeitos já não escondem mais que são os maiores inimigos dos professores.

 

Frente Nacional de Prefeitos (FNP) afirmou nesta terça-feira (15) que reajuste de 33,24% dos professores é inconstitucional e que municípios não estão obrigados a segui-lo.

Enquanto você professor(a) está ai sendo literalmente manipulado(a) por políticos e partidos políticos que fazem oposição ao Presidente da República Jair Messias Bolsonaro, a compartilhar nas redes sociais criticas desnecessárias e até mesmo infundadas, tais como: de que o presidente só reajustou o piso salarial nacional do magistério em 33,24% porque é ano eleitoral; que a lei não foi ele que criou mas sim o ex-presidente Lula ou mesmo que o presidente autorizou o reajuste para prejudicar os governadores e prefeitos que teriam que pagar a conta, o que não é verdade, uma vez que, o Governo Federal além de dá o aumento também já garantiu os recursos necessários conforme estimativas do Fundeb\2022 + complemento da união (VAAF – Valor Anual por Aluno) [Confira aqui]. Além da complementação do (VAAT – Valor Aluno Ano Total) que não passa pelo Fundeb [Confira aqui]. 

Pois bem; enquanto você educador(a) seguem acreditando e endossando essa narrativa falaciosa e politiqueira, seus verdadeiros inimigos seguem fazendo de tudo para impedir que seus direitos sejam garantidos conforme manda a lei. A última da vez veio através da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) que nesta terça-feira (15) publicou em seu site uma nota em que afirma que o reajuste de 33,24% dos professores é inconstitucional e que municípios não estão obrigados a segui-lo. Confira! 

A Frente Nacional de Prefeitos (FNP) se manifestou, nesta terça-feira, 15, em relação à aplicação do reajuste do piso do magistério. Diante da inconstitucionalidade e do chamado “vácuo normativo” relativo aos critérios para conceder o reajuste da Portaria 67/2022, prefeitas e prefeitos não estão obrigados a seguir o texto, uma vez que o ato administrativo federal não tem amparo em lei. 

De acordo com a consultoria jurídica Ayres Britto, contratada pela FNP, cada município deverá, portanto, exercer autonomia de Ente federado, podendo optar por conceder reajuste, sob qualquer índice, de acordo com o cenário financeiro e a legislação local, respeitando os limites de despesas com pessoal impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). 

O parecer jurídico indica, como alternativa, que o piso do magistério seja feito pelo critério legalmente seguro do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), utilizando-se a Lei 7.238/84, de forma temporária e excepcional, já que essa medida encontra amparo no artigo 4º da Lei de Introdução às normas do Direito Brasileiro. 

A legislação federal estipula o piso do magistério para o início da carreira e para 40 horas. Esse reajuste não é necessariamente linear, já que a legislação dos municípios pode determinar regras para outros níveis dos profissionais de educação e aposentados. 

Redator: Janila Arabi - https://fnp.org.br/noticias/item/2786-fnp-se-manifesta-sobre-reajuste-do-piso-do-magisterio



MARCIO MARTINS

Residente no pequeno município de Canapi localizado no Alto Sertão do Estado de Alagoas, o Blogueiro/Jornalista (RE) 511961/2009 José Marcio Rodrigues Martins, iniciou no Jornalismo Digital em 2011 com a criação do primeiro blog de notícias de Canapi na internet o "Canapi Agora". Em 2013 concluiu o curso de Jornalismo Online e em 2021 o de Jornalismo Investigativo com certificação reconhecida pela ABED - (Associação Brasileira de Educação a Distância) e se tornou membro associado da ABJ - Associação Brasileira de Jornalismo. Com passagem por diversos sites do Estado de Alagoas, tais como: Rota do Sertão,  Editora Guia Mais, Mais Notícias, Correio Notícias e pelo Portal Minuto Sertão do Grupo Cada Minuto onde ganhou o prêmio Evandro Cardoso de Jornalismo na categoria "blog mais acessado". Marcio Martins que em 2021 completou 10 anos de atuação no Jornalismo Investigativo e Independente e que já ultrapassou a marca de 5.000 artigos e matérias publicadas, atualmente integra a equipe de redação do site Central do Sertão, é também escritor, autor do Livro IndignAÇÃO e membro efetivo da ACALA - Academia Arapiraquense de Letras e Artes, onde em breve pretende emplacar seu segundo livro, desta vez reunindo uma coletânea das GRANDES REPORTAGENS de sua carreira.

LEIA TAMBÉM!

[EXCLUSIVO!] Fundeb das prefeituras de Canapi, Inhapi e Mata Grande terá acréscimo de R$: 22,7 Milhões de reais em 2022 garantindo o reajuste de 33,24% para os professores.

[EXCLUSIVO!] Professor temporário “misterioso” tinha salário de até R$: 4,5 mil e recebeu quase R$: 40 mil reais em 2020 sem dar aula em Canapi.

Prefeitura de Delmiro Gouveia é transformada em “herança de família e agregados”.

O trabalho que virou crime em Delmiro Gouveia na pandemia.

FOLHA DE PAGAMENTO: A “caixa preta” das Prefeituras de Canapi e Mata Grande.


Vende-se ou troca uma casa de 1° andar com ponto comercial no térreo em Inhapi.

Imóvel fica localizado na Rua Prefeito Zé Crente n° 168, medindo 5m de frente por 20m de fundo. Telefone para contato: (82) 981159129 - Falar com Sivaldo.



14/02/22

[EXCLUSIVO!] Fundeb das prefeituras de Canapi, Inhapi e Mata Grande terá acréscimo de R$: 22,7 Milhões de reais em 2022 garantindo o reajuste de 33,24% para os professores.

 

Governo Federal garantiu o reajuste, bem como o recurso necessário via Fundeb, conforme receita e complementação da união VAAF\2022 divulgada no dia 24\12\2021, 03 (três) dias antes da oficialização do novo piso pelo presidente Jair Bolsonaro. Confira quanto cada município do triângulo das bermudas alagoano irá receber a mais que em 2021. 

Muito tem se falado que o Governo Federal concedeu o reajuste salarial nacional dos professores de 33,24% sem garantir os recursos necessários para que estados e municípios cumpram a Lei do Piso e que o Presidente Jair Bolsonaro teria agido desta forma visando apenas sua reeleição este ano. 

Pois bem, vamos aos fatos! No dia 24\12\2021, ou seja, 03 (três) dias antes da oficialização do novo piso salarial nacional dos professores pelo presidente Jair Bolsonaro, o MEC\ME publicou a Portaria de Nº 11 estabelecendo os parâmetros referenciais anuais do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação - Fundeb para o exercício de 2022 (Confira Aqui!), nas modalidades Valor Anual por Aluno - VAAF e Valor Anual Total por Aluno - VAAT. Em resumo, o presidente Jair Bolsonaro só autorizou o reajuste de 33,24% sobre o Piso Salarial Nacional do Magistério, porque já tinha a garantia do MEC que estados e municípios receberiam os recursos necessários. 

Por todo o exposto, vejamos agora o exemplo dos municípios do Triângulo das Bermudas do alto sertão alagoano (Canapi, Inhapi e Mata Grande). Confira abaixo quanto cada um irá receber do Governo Federal em impostos + complementação da união VAAF\2022: 


CANAPI 

- 2022\RECEITA PREVISTA + COMPLEMENTAÇÃO DA UNIÃO VAAF\2022

TOTAL = R$: 36.111.865,97

- 2021\RECEITA REPASSADA + VAAF\2021 – RETENÇÃO DE RECEITA

TOTAL = 27.661.867,96

DIFERENÇA = R$: + 8.449.998,01


INHAPI

- 2022\RECEITA PREVISTA + COMPLEMENTAÇÃO DA UNIÃO VAAF\2022

TOTAL = R$: 24.519.522,26 

- 2021\RECEITA REPASSADA + VAAF\2021 – RETENÇÃO DE RECEITA

TOTAL = 16.660.252,13 

DIFERENÇA = R$: + 7.859.270,13

 

 MATA GRANDE 

- 2022\RECEITA PREVISTA + COMPLEMENTAÇÃO DA UNIÃO VAAF\2022

TOTAL = R$: 28.225.863,78 

- 2021\RECEITA REPASSADA + VAAF\2021 – RETENÇÃO DE RECEITA

TOTAL = 21.659.002,02 

DIFERENÇA = R$: + 6.566.861,76

receita-e-complementacao-por-ente-federado-fundeb-2022.pdf (www.gov.br)

Conforme pode ser constatado, somente nos três municípios do triângulo das bermudas do alto sertão de Alagoas, o Governo Federal estimou um aumento de receita + complementação da união de R$: 22,7 Milhões de reais em 2022, que inclusive já começou a cair nas contas das referidas prefeituras desde o dia 10 de Janeiro, mas que, no entanto, ainda não caiu nas contas dos professores, uma violação a Lei do Piso que também entrou em vigor em Janeiro. 

Acontece que, os gestores municipais de Canapi (Vinicius Lima), Inhapi (Tenorinho Malta) e Mata Grande (Erivaldo Mandú), afirmam que aguardam a Data Base da educação estabelecida nos Planos Municipais de Carreira dos professores, entre Março e Junho para a concessão do reajuste, porém, o X da questão é se o reajuste será pago retroativo a Janeiro assim como anunciou o Governo do Estado no caso dos professores inativos que já haviam recebido os proventos de Janeiro sem o reajuste, mas que iriam receber o novo piso no último dia 10\02 e com o acréscimo da diferença de Janeiro não paga. 

O caso mais emblemático é o do município de Canapi, onde um grupo de professores efetivos do município que fez parte da comissão que reformulou o novo Plano de Carreira dos servidores da educação decidiu pela alteração da Data Base de Março para Junho, ocasionando assim um gigantesco prejuízo aos professores que por consequência perdem pelo menos 05 meses de cada ano de reajuste do piso nacional, já que o município jamais pagou o reajuste com retroativo. 

Agora justiça seja feita, até o presente momento, o município de Mata já anunciou através da sua assessoria de comunicação durante participação em um programa de rádio da região que o prefeito Erivaldo Mandú irá cumprir o piso salarial nacional da educação, muito embora não tenha deixado claro quando, mas que tudo indica que seja no próximo mês (Março) que é a Data Base do município. Já em Inhapi que recentemente concedeu um reajuste corrigido pela inflação de 4,52% retroativo a Junho de 2021, o prefeito também já anunciou que irá cumprir o novo piso do magistério, mas, que, porém, não irá esperar a Data Base do município (Junho), reajustando os salários dos professores também em Março assim como em Mata Grande.


VAAT\2022

Além da parcela já existente, que leva em conta o número de alunos matriculados (Valor Aluno/Ano Final – VAAF), haverá outra complementação que os municípios de Canapi, Inhapi e Mata Grande irão receber consideradas receitas para a educação, mas que não passam pelo Fundeb, que é justamente o (Valor Aluno/Ano Total- VAAT). Confira!

- Canapi - R$: 18.107954,24

- Inhapi - R$: 11.912.636,27

- Mata Grande - R$: 8.073.861,86


MARCIO MARTINS

Residente no pequeno município de Canapi localizado no Alto Sertão do Estado de Alagoas, o Blogueiro/Jornalista (RE) 511961/2009 José Marcio Rodrigues Martins, iniciou no Jornalismo Digital em 2011 com a criação do primeiro blog de notícias de Canapi na internet o "Canapi Agora". Em 2013 concluiu o curso de Jornalismo Online e em 2021 o de Jornalismo Investigativo com certificação reconhecida pela ABED - (Associação Brasileira de Educação a Distância) e se tornou membro associado da ABJ - Associação Brasileira de Jornalismo. Com passagem por diversos sites do Estado de Alagoas, tais como: Rota do Sertão,  Editora Guia Mais, Mais Notícias, Correio Notícias e pelo Portal Minuto Sertão do Grupo Cada Minuto onde ganhou o prêmio Evandro Cardoso de Jornalismo na categoria "blog mais acessado". Marcio Martins que em 2021 completou 10 anos de atuação no Jornalismo Investigativo e Independente e que já ultrapassou a marca de 5.000 artigos e matérias publicadas, atualmente integra a equipe de redação do site Central do Sertão, é também escritor, autor do Livro IndignAÇÃO e membro efetivo da ACALA - Academia Arapiraquense de Letras e Artes, onde em breve pretende emplacar seu segundo livro, desta vez reunindo uma coletânea das GRANDES REPORTAGENS de sua carreira.

LEIA TAMBÉM!

[EXCLUSIVO!] Professor temporário “misterioso” tinha salário de até R$: 4,5 mil e recebeu quase R$: 40 mil reais em 2020 sem dar aula em Canapi.

Prefeitura de Delmiro Gouveia é transformada em “herança de família e agregados”.

O trabalho que virou crime em Delmiro Gouveia na pandemia.

FOLHA DE PAGAMENTO: A “caixa preta” das Prefeituras de Canapi e Mata Grande.