domingo, 8 de dezembro de 2019

Jairzinho surpreende a quatro segundos do fim e nocauteia Overeem no UFC Washington

Surinamês, que estava em desvantagem na luta principal do evento, conecta uma "bomba" no rosto do holandês, que fica com o lábio superior rasgado devido ao golpe do peso-pesado


Por Combate.com — Washington, DC, EUA
 
Jairzinho Rozenstruik, que fez questão de deixar Alistair Overeem no vácuo no início do combate, estudou o holandês quando o árbitro autorizou o início da luta. O atleta do Suriname queria a luta em pé, devido ao seu poder de nocaute, porém, o veterano não tardou a quedá-lo. No chão, Overeem ficou por cima durante o tempo todo - mesmo sem grande evolução ou oferecer perigo. Serviu, portanto, para faturar o primeiro assalto.

Na parcial seguinte, Overeem chegou ao clinche com rapidez, imprensando Jairzinho contra a tela. A pouca efetividade, porém, fez o árbitro afastá-los a dois minutos do fim. O "Furacão do Octógono" acertou ganchos e cruzados no holandês, que se protegia com a guarda alta. Os golpes do surinamês, no entanto, não entraram com potência.

Alistair Overeem avançou nas pernas de Jairzinho e fez a transição para o clinche nos primeiros movimentos do terceiro round. O surinamês não caiu, e eles ficaram no centro do octógono. Jairzinho soltava pisões, Overeem respondia com chutes e acertava os melhores golpes. Overeem deu o bote no double leg e, embora tenha demorado um pouco, faturou a queda. O ex-campeão do Strikeforce trabalhou por cima, carimbou o rosto do oponente com cotoveladas e socos.

Jairzinho explodiu no quarto round: imprensou Overeem na grade e, com o holandês tentado proteger o rosto, encaixou boa sequência, fazendo o nariz do ex-campeão do K-1 sangrar. Cauteloso, Overeem tentava não correr risco desnecessário, mas o surinamês atravessou seu melhor momento na luta ao aplicar uma blitz no oponente e golpeá-lo com nova sequência. No último round, disputado em ritmo para lá de morno, a luta se encaminhava para a decisão dos jurados - até o surinamês acertar um cruzado no rosto de Overeem, que ficou com o lábio rasgado, e nocauteá-lo a quatro segundos do final do duelo.

Fonte : https://globoesporte.globo.com/