domingo, 18 de março de 2018

Vereadores de oposição voltam a denunciar irregularidades na gestão da prefeita Maristela em Piranhas.

Nova denúncia é  apenas a segunda de um série de ações fiscalizatórias que estão sendo feitas por todo o município sobre a liderança do vereador Jota Luiz presidente da Câmara de Vereadores.

Por: Redação 

Créditos: Cortesia/CS


E as denúncias de irregularidades envolvendo a gestão da prefeita Maristela em Piranhas não param. Depois do bairro da saúde, onde os vereadores de oposição constataram um estado de completo abandono por parte do poder público, nesta sexta-feira  (16) os edis  resolveram vistoriar alguns órgãos públicos, ruas e avenidas de Piranhas, além do mercado da carne e a garagem municipal. E mais uma vez o cenário encontrado era de abandono.

Passamos agora a detalhar as irregularidades encontradas pelos vereadores; Ze Neto, Cacau, Danilo Leite, Cleiton de Xoxo e Margarida de Renato, liderados pelo presidente Jota Luiz:


Mercado da carne: Tarimbas quebradas e enferrujadas, sem a menor condições de higiene e de uso. Já no pátio da feira, várias bancas enferrujadas e quebradas, além da instalação elétrica danificada oferecendo riscos à saúde dos feirantes e populares em geral;


Escola Sônia Brito: O prédio estava em bom estado de conservação, porém, tinha muito lixo acumulado e a instalação elétrica encontra-se exposta, oferecendo risco as crianças;


Garagem de transportes: Aqui foi constatada uma das situações mais absurdas...

Vários veículos seminovos paralisados por falta de manutenção, tais como; 02 ambulâncias, 03 Fiat Palio, 02 Fiat Estrada e 02 Fiat uno que poderiam estar sendo utilizados pela população de piranhas, além de 04 ônibus escolares PARADOS por falta de manutenção, um carro pipa sem bateria e com pneus sem condições adequadas. 

Travessa chã de Pilar e intermediações do antigo matadouro: Esgoto a céu aberto e crateras nas ruas tornando impossível a passagem de veículos, onde inclusive já foram registrados alguns acidentes.


Vias públicas: Ainda há muito acúmulo de lixo.


Já  no CAPS e na Creche Marinita que também foram visitados pelos vereadores, os edis não constataram nenhuma irregularidade, exceto a necessidade de uma pintura nova na sede do CAPS, o que não foi empecilho para que os vereadores parabenizassem a excelente recepção que tiveram do diretor da unidade o Sr. Alessandro e da diretora da Creche a Sra. Benia. O que já não se pode dizer da completa falta de educação do diretor do posto de saúde do Bairro Nossa Senhora das Graças que segundo os edis se negou a passar informações sobre o funcionamento da unidade de saúde, além de proferir palavras de baixo calão contra os mesmos. Talvez essa foi a forma encontrada pelo diretor para esconder as irregularidades de sua gestão e da gestão da prefeita Maristela naquele local, haja visto que os vereadores ainda puderam constatar muito mato ao redor da unidade, trazendo o risco de animais e insetos peçonhentos   para o local.



Apesar da hostilidade com que foram recebidos pelo diretor da unidade de saúde acima mencionado, os 06 vereadores que integram o bloco de oposição a prefeita Maristela e que são maioria na Câmara Municipal dizem que não irão se deixar intimidar e que a próxima ação de fiscalização será no povoado piau, onde segundo alguns  moradores daquela localidade, o "descaso" é ainda maior.