06/08/22

Atleta canapiense assina contrato com time profissional para disputa da 2ª divisão do Campeonato Sergipano de Futebol.


 Com apenas 20 anos, Riquelmy se junta a outros dois craques canapienses que fizeram história no passado chegando a disputar a 1ª divisão do Campeonato Alagoano. 

Por: Redação\Marcio Martins 

Nome de craque ele já tem, “Riquelmy” um dos principais jogadores da história do futebol Argentino que encantou o mundo nas décadas de 1990 e 2000. Todavia, agora o Riquelmy brasileiro, natural da pequena cidade de Canapi no alto sertão de Alagoas tem a oportunidade de fazer seu próprio nome. 

Diferente do craque Argentino que era centroavante, o atleta canapiense é zagueiro, mas não qualquer zagueiro, afinal de contas, se assim fosse, não teria assinado a cerca de 20 dias em 18\07\2022, o seu primeiro contrato profissional na equipe principal do Clube Esportivo Canindé que disputa a 2º divisão do Campeonato Sergipano de Futebol. 

O convite para integrar a equipe do Clube Esportivo Canindé veio do presidente do Clube que conheceu o zagueiro canapiense jogando pela equipe sub20 do clube em 2021. “Não pensei duas vezes, aceitei e realizei meu sonho de ser tornar um jogador profissional de futebol”, disse Riquelmy. 

“Agradeço primeiramente a Deus por está vivenciando o momento mais feliz da minha vida, agradecer a minha família que me apoio para que eu estivesse aqui, aos amigos que sempre acreditaram no meu sonho junto comigo. Não foi fácil chegar até aqui mais todo esforço, todo trabalho, cada pingo de suor valeu apena, agora é trabalhar permanecer focado porque grandes coisas estão por vir. E aos jovens que sonham em serem jogadores de futebol, acreditem em vocês e entreguem tudo nas mãos de Deus que ele tudo fará. A palavra é gratidão por tudo senhor. E aos que não acreditaram, que Deus os abençoe, porque isso alimentou mais ainda a minha fome de vencer”, agradeceu o craque canapiense. 

FEITO HISTÓRICO 

Além de Riquelmy, apenas outros dois atletas canapienses assinaram contrato para disputar um campeonato pela equipe principal de um clube profissional de futebol, foram eles: Robério (Volante) e Heminho (Zagueiro), que nos anos 90 chegaram a disputar o Campeonato Alagoano de Futebol da 1ª Divisão pela equipe do Ipanema Atlético Clube, inclusive o feito histórico ainda consta nos arquivos de lembranças do craque Robério que generosamente enviou a nossa equipe de redação uma foto de um dos jogos que foi matéria de capa da página de esportes de um Jornal da capital alagoana, onde um dos jogares que aparecem na imagem é justamente o próprio Robério, apesar, que, não é possível identificá-lo na imagem que foi degradada pelo tempo, afinal de contas, o arquivo tem 28 anos, registrado em 1994. Ainda nos anos 90 Delgares, outro atleta canapiense, também chegou a compor uma equipe profissional de futebol, o C.E.O – Centro Esportivo Olho-d’aguense, clube pelo qual Robério também jogou e disputou a 2ª divisão do Campeonato Alagoano.


OUTROS CRAQUES CANAPIENSES QUE FORAM DESTAQUE

Muito embora não tenham chegado a assinar um contrato profissional pela equipe principal de um Clube Profissional de Futebol, destaque para os jovens atletas canapienses, Eric Freitas, Gabriel Lira, Júlio Cesar, entre outros selecionados para as categorias de base de vários clubes profissionais da liga estadual de futebol e de outro estado, como foi o caso do zagueiro Júlio Cesar, filho do ex-secretário de esportes de Canapi Giovan Ventura que aos 20 anos integrou a equipe Sub20 do Mogi Mirim em São Paulo, e que hoje treina pelo ASA de Arapiraca.