PREFEITURA DE INHAPI

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Mulher é morta a tiros e o marido é acusado do crime em Olho D’água do Casado

Homem teria assassinado a esposa, depois de flagrá-la conversando com outro no celular.

http://minutosertao.com.br/assets/cache/thumbs/e5618165d203bc8fe5feee59be4b3d39.jpgA jovem Roseane de Melo Silva, 27, foi assassinada com pelo menos dois disparos de arma de fogo, na madrugada desta sexta-feira (14), por volta das 2h, no Conjunto Habitacional Francisco Martins, que é mais conhecido como Cohab Nova, em Olho D’água do Casado. O marido da vítima, Augusto César Vieira de Araújo, conhecido como “Nego D’água”, 46, é acusado do crime.

Testemunhas informaram que desde o início da manhã César Augusto e a esposa bebiam juntos no bar de propriedade deles, que fica no mesmo imóvel onde residiam. Conforme os populares, o casal vinha discutindo durante todo o dia e a briga havia piorado no momento em que os dois entraram para dentro de casa.  

http://minutosertao.com.br/assets/cache/thumbs/932b8e599f8e8913cd22c90f82205638.jpgO motivo do desentendimento teria sido o fato do acusado ter flagrado a companheira enviando mensagens e fotografias para outro homem, através do whatsapp, um aplicativo de celular utilizado para comunicação instantânea.

A suposta traição teria sido o motivo encontrado por César Augusto para assassinar a esposa com dois tiros de espingarda que a atingiram no ombro e na cabeça. A mulher morreu na hora e o acusado fugiu do local sem deixar pistas do paradeiro.

Militares do 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM) e da Companhia de Operações Policiais Especiais do Sertão (Copes), além de agentes da Polícia Civil, estiveram na localidade para os primeiros levantamentos e durante os trabalhos na residência foram encontradas várias munições e uma espingarda calibre 20 que pode ter sido utilizada no crime.

http://minutosertao.com.br/assets/cache/thumbs/62833c49f6574f88747f320f60b12691.jpgO corpo da jovem foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca e o crime vai ser investigado pelo delegado Diego Ferreira, titular da delegacia de polícia de Piranhas, mas que responde pelo município onde aconteceu o crime.



http://minutosertao.com.br/assets/cache/thumbs/8ac002fc53fb6659ee2d778dfc7a4a06.jpg
Crédito: Adalberto Comes/Colaborador
Adalberto Comes/Colaborador
Crédito: Adalberto Comes/Colaborador
http://minutosertao.com.br/assets/cache/thumbs/8cccafb3bb078fdba4c61963370a2433.jpg
Crédito: Adalberto Comes/Colaborador
http://minutosertao.com.br/assets/cache/thumbs/012c358d73ffe27ad77336ebb1bceebf.jpg
Fonte: Minuto Sertão
Por Jota Silva e Fábio Guedes 

Nenhum comentário:

Postar um comentário