PREFEITURA DE INHAPI

sábado, 10 de dezembro de 2016

NÃO TE ESQUEÇAS SÁBADO, 10 DE DEZEMBRO DE 2016


Filho meu, não te esqueças dos meus ensinos e o teu coração guarde os meus mandamentos. Prov 3:1

A vida é um processo de aprendizagem. Não se limita a um período de tempo, nem ao seguimento de um calendário acadêmico. A aprendizagem é diária, constante e permanente. Parar de aprender é parar de viver. Vivem bem os que aprendem bem e aprendem bem os que tem como mestre alguém que não pode falhar. Jesus é esse Mestre.

Quantas vezes, dirigindo meu carro numa cidade desconhecida, parei procurando orientação. Vez por outra me indicaram o caminho errado. Levou tempo para descobrir o erro e mudar de direção. Nervosismo, enfado, e chateação foram as conseqüências.

No provérbio de hoje o Senhor se apresenta como o grande mestre da vida. É o pai preocupado com a felicidade do filho. “Filho meu, não te esqueças dos meus ensinos...” aconselha: o que mais quer Deus é que você seja um homem ou mulher que aprenda a ser feliz.

O maior problema no processo da aprendizagem é o esquecimento. Você estuda com dedicação, mas na hora da prova parece que tudo desaparece da mente. Você esquece. Não lembra e fica reprovado.

A vida está cheia de provas. Passar nelas é garantia de felicidade. Como é importante nessas horas “lembrar” tudo o que foi ensinado e tomar as decisões acertadas.

É interessante notar que Salomão relaciona a aprendizagem com o coração. “Não te esqueças” diz, e evidentemente ele apela às faculdades da mente, mas em seguida acrescenta “que o teu coração guarde os meus mandamentos,”  Esta é uma referência explicita aos sentimentos. É que o ser humano é uma unidade indivisível. Mente, coração e corpo não se podem separar. Não basta crer em Deus é preciso obedecer. Saber é fundamental, sentir é básico.

Se a aprendizagem é um processo, não se desanime. Enquanto estiver vivo estará em condições de aprender. Às vezes com lágrimas e dor, outras vezes com alegria e satisfação. Ora, tropeçando nas pedras do caminho ou levantando-se e sacudindo a poeira. Mas é preciso continuar, porque a vida é assim. Por isso Deus afirma: “Filho meu, não te esqueças dos meus ensinos, e o teu coração guarde os meus mandamentos.”

Alejandro Bullón
Enviado por Luciana Arantes Amaral

Nenhum comentário:

Postar um comentário