segunda-feira, 6 de julho de 2015

Vaqueiro mata a esposa a facadas e se suicida em Matriz

O vaqueiro José Ricardo Silva dos Santos Milo, 31 anos, matou a facadas a esposa dele, a camareira Edna Dantas Santana, 32. O crime aconteceu dentro de uma pousada no centro de Matriz do Camaragibe, região Norte do Estado, e teve motivação passional.
Após cometer o crime, o acusado fugiu e duas horas depois foi encontrado morto. De acordo com a Polícia Civil, ele cometeu suicídio, ingerindo carrapaticida. O delegado plantonista, Rubens Cerqueira, acredita que José Ricardo matou a esposa por ciúmes.
Eles estavam separados há três dias. Abalado com o fim do relacionamento, o homem chegou a ficar internado em um hospital com sintomas de depressão, segundo informou o irmão da vítima, Edson Milo, ao delegado de Polícia Civil. O casal possuía dois filhos: uma adolescente de 16 anos e um menino de 13.
Edna foi surpreendida e atacada em um dos quartos da pousada, no momento em que forrava a cama. Ferida no pescoço, ela tentou fugir e caiu no pátio do estacionamento, onde recebeu mais uma facada, desta vez no abdômen. O assassinato aconteceu por volta das 9 horas. O corpo de José Ricardo seria encontrado dentro de um curral nas proximidades do Conjunto Fusal, às 11 horas, a cerca de um quilômetro do local do crime.
Ao lado do cadáver, a Polícia Civil encontrou uma embalagem vazia de 250 ml de carrapaticida, provavelmente ingerido pelo vaqueiro. Os institutos de Criminalística (IC) e de Medicina Legal (IML) estiveram em Matriz e realizaram os procedimentos. Os corpos foram periciados e recolhidos por volta das 13 horas.
FOTOS CORTESIA SEVERINO CARVALHO
GAZETAWEB/SERTAO24HORAS


Nenhum comentário:

Postar um comentário