PREFEITURA DE INHAPI

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

ORE MAIS SEGUNDA, 28 DE NOVEMBRO DE 2016

O Senhor está longe dos perversos, mas atende a oração dos justos. Prov. 15:29

Ministério Bullon: enviado por Luciana Arantes Amaral
Imagem relacionadaJuana voltava para casa depois da reunião onde me ouvira falar da existência, do poder e do amor maravilhoso de Deus. Naquela noite, milhares de pessoas foram tocadas pelo Espírito Santo e muitas delas foram à frente aceitando a Jesus como seu Salvador. Juana não. Ela era atéia, não cria em Deus. Participara daquela reunião só porque não teve coragem de rejeitar o convite de uma amiga, a quem devia favores.

O que ninguém sabia é que aquela noite Juana tinha orado a Deus no seu coração. Tinha o desafiado. Disse que se Deus era poderoso, poderia fazer com que seu esposo, a quem não via há mais de vinte anos, entrasse em contato com ela e ela acreditaria em Deus. Quando abriu a porta de casa, o telefone chamou. Era o esposo. Juana contou este testemunho em lágrimas: “Eu sei que para Deus não existem impossíveis” - disse.

O Senhor sempre atende a oração do justo, afirma o provérbio de hoje. Sempre, não de vez em quando. Sempre. Não do jeito que você deseja, mas  sempre está pronto a responder quando você abre o coração carente.

Juana era atéia. Deus responde a oração de alguém que não acredita nEle?  Essas são coisas maravilhas da fé. Para Deus não conta a maneira como você viveu. Para Ele só conta o momento em que  arrependido, você reconhece sua situação e volta os olhos ao Senhor.

O Senhor está longe dos perversos, diz a primeira parte  do texto:  Está “longe” (râhoq) em hebraico, não é um assunto de distância da presença divina. Os “perversos” são descritos na Bíblia como aqueles que menosprezam os ensinamentos divinos,  se burlam ou vivem como se Deus não existisse. Com essa atitude, afastam-se do Senhor e, quando num momento de dificuldade, pedem ajuda, porque até os mais contumazes descrentes clamam a Deus na hora da morte, a oração dessas pessoas não chega ao trono de graça. Não é o arrependimento  que os leva a invocar o nome de Deus. É o medo das conseqüências do mal.

Busque a Jesus em oração. Converse com Ele, conte-Lhe as suas lutas e tristezas. Acredite que sua oração será respondida porque “O Senhor está longe dos perversos, mas atende a oração dos justos.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário