terça-feira, 5 de maio de 2020

Vereador de oposição foi o único parlamentar a votar contra o projeto que aumentou a contribuição previdenciária dos servidores públicos de Canapi.


Cícero Silvestre Neto, popular “Cicinho” apresentou como prova a ata da Sessão do último dia 28/04 em que por 09 votos a 01 o projeto de autoria do Poder Executivo foi aprovado.

Por: Redação
Crédito: Reprodução/Vereador

O vereador Cícero Silvestre Neto, o “Cicinho” como é popularmente conhecido, encaminhou a redação do site Central do Sertão nesta terça-feira (05), documento oficial da Câmara Municipal de Vereadores de Canapi que comprova que o mesmo foi o único parlamentar da casa a votar contra o Projeto de Lei nº 216 de 28 de Abril de 2020 que aumentou a contribuição previdenciária dos servidores públicos, aposentados e pensionista, vinculados ao Instituto de Previdência própria do município.

Trata-se da Ata de votação da sessão extraordinária do dia 28 de Abril, onde por 09 votos a 01, com exceção do presidente que só vota em caso de desempate, o Projeto foi aprovado com três meses de antecedência do prazo final (31/07) para adequação a Emenda Constitucional 103.

Ao fazer uso da Tribuna da Câmara, o vereador “Cicinho”, que por sinal é o único de oposição ao Prefeito Vinicius Lima, defendeu a realização de concurso público como forma de revitalização da previdência ao invés do aumento da contribuição previdenciária, ao contrário de seu colega vereador “Urso Biano” que discursou favorável ao projeto justificando que a “nova previdência” iria garantir recursos para as futuras gerações. 

Cicero Silvestre Neto “Cicinho” também cobrou a entrega dos Kits Merendas aos pais de todos os alunos e mais uma vez o vereador Urso Biano respondeu que esteve com o Secretário de Educação e o mesmo lhe argumentou que esta apenas aguardando uma lei especifica para fazer a entrega dos kits, em seguida a sessão foi encerrada e a ata lavrada e assinada pelos presentes.