25/07/22

Com obra atrasada há mais de um ano, alunos da escola Monsenhor Aloysio seguem estudando em condições precárias por tempo indeterminado em Mata Grande.

 

Prefeitura rompeu o contrato de R$: 2,4 milhões com a empresa responsável pelas obras alojando os alunos no Ginásio de Esporte adaptado com salas improvisadas de madeirite. 

Por: Redação 

Apesar de um orçamento de R$: 2.419.754,74 (Dois milhões, quatrocentos e dezenove mil, setecentos e cinquenta e quatro reais e setenta e quatro centavos), a SAEC – Construções Civil e Locações de Veículos Eirelli, localizada no município de Novo Triunfo\BA, responsável pela reforma e ampliação da Escola Municipal Monsenhor Aloysio Vianna Martins em Mata Grande no alto sertão de Alagoas, há exatos 45 dias em 15\06\2022 teve seu contrato de nº 045\2020 encerrado pela a Prefeitura Municipal de Mata Grande\AL antes mesmo da conclusão da obra que deveria ter sido entregue há pouco mais de 01 (um) ano, em 09\06\2021. 

Além da reforma e ampliação, o contrato também incluía a Construção de uma Quadra Poliesportiva coberta no município de Mata Grande\AL. Todavia, com a saída da empresa baiana, as obras da maior escola do município alagoano foram paralisadas aumentando ainda mais a descrença dos alunos em voltar a frequentar uma escola de verdade, ao invés do abrigo adaptado no Ginásio de Esporte com salas improvisadas de madeirite que a prefeitura resolveu os alojar. 

E como se já não bastasse o absurdo atraso na reforma e ampliação da referida escola, a precariedade do espaço adaptado no Ginásio de Esportes tem impactado negativamente no ensino-aprendizagem de todo o alunado, uma vez que os sons de uma sala improvisada acabam atrapalhando a aula da sala vizinha. Nossa equipe de redação esteve no local e ao chegar à entrada do Ginásio, o barulho e o ECO eram tão intensos, que parecia que os alunos estavam na hora do intervalo, quando na verdade estavam em horário de aula regular. 

Outro fator que tem preocupado todo o corpo docente e discente da Escola ocorre durante o período de chuvas que tem ocasionado alagamento do espaço. 

O que diz a Prefeitura 

Procurada para comentar sobre o problema, a Assessoria de Comunicação da Prefeitura informou que estaria buscando as informações necessárias, porém, algumas semanas depois do primeiro contato com a nossa equipe de redação, até o fechamento desta matéria, não obtivemos retorno.