terça-feira, 8 de outubro de 2013

“É inadmissível em pleno século XXI ainda existirem pessoas ainda passando sede e animais morrendo

O deputado Ronaldo Medeiros, usou a tribuna da Casa de Tavares Bastos na tarde desta terça-feira (08), para falar sobre a situação dos sertanejos alagoanos, Medeiros ressaltou que um Estado que já possui um Canal do Sertão com 70 km prontos e o Rio São Francisco não pode sofrer com a seca, “Em pleno século XXI, com toda a tecnologia que existe no nosso planeta é inadmissível ainda vivenciarmos com pessoas passando sede e os animais morrendo por conta da falta de água”.

“É inadmissível em pleno século XXI ainda existirem pessoas ainda passando sede e animais morrendo por falta de água” disparou MedeirosO parlamentar ressaltou o fato de que a agricultura familiar é quem sustenta uma grande parcela do Estado de Alagoas e por conta da falta de incentivo o homem do campo vem diminuindo ano a ano, segundo Medeiros isso acontece porque os filhos dos agricultores não querem mais continuar morando na área rural, tendo em vista que veem e sentem na pele que não há mais condições de continuar como está “faço apenas um questionamento quem vai produzir o alimento, quem vai produzir o que nós necessitamos aqui na área urbana? Nós vamos ter que trazer o alimento de outros Estados para Alagoas? Sergipe, que em termos territoriais é menor que Alagoas produz 10 vezes mais milho que a gente e lá também tem seca, ou seja, não há desculpa”.

O deputado relatou que no último final de semana passou pelo município de Batalha, e viu um grupo de pessoas apagando os focos de incêndio, isso porque a vegetação está seca, toda a região está na mesma situação. "Estou organizando um seminário a ser realizado em Santana do Ipanema para discutir a questão da seca, levando representantes do Governo Federal e Estadual, como o INCRA, Ministério do Desenvolvimento Agrário - MDA,  Emater e Secretaria de Agricultura para ouvir as pessoas que estão necessitando de ajuda e para definirmos ações para salvar o agricultor e a agricultura familiar".

Agentes Penitenciários
Ainda na tribuna da Casa, o deputado Ronaldo Medeiros relatou que há dois meses participou de uma negociação com os agentes penitenciários e o governo do Estado visando acabar com o movimento grevista que estava acontecendo no presídio, na ocasião o governo prometeu uma bolsa qualificação para os agentes que encerraram a greve, "o detalhe é que essa bolsa até agora não foi enviada a Assembleia Legislativa e os agentes a partir de sexta-feira, dia 11, vão entrar em greve novamente, e greve no presídio é sangue, é morte". 

Medeiros salientou que o Governo está incentivando a visita dos filhos dos reeducados ao sistema prisional pela passagem do dia das crianças e essa sinalização de greve vai gerar um verdadeiro caos no local.

O projeto, o Governo encaminhou para a Procuradoria Geral do Estado - PGE e o parlamentar afirmou que estará se reunindo ainda hoje com o Procurador Geral para resolver o impasse e evitar que esta greve realmente aconteça

  Deputado Estadual Ronaldo Medeiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário