PREFEITURA DE INHAPI

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Canapi, triangulação falida!

Prefeito Celso Luiz que anda desnorteado mais do que nunca, depois que na última sexta-feira, o MPE/AL, teria dado um prazo a partir de então de 15 dias, para ele justificar, onde enfiou mais de 2 milhões e 195 mil reais, verba de contribuição do servidor municipal que não foi repassada ao IPREV no período de janeiro de 2013 a dezembro de 2014, está na ambição de abocanhar politicamente  um trio de prefeituras sertanejas. Canapi aonde vai para a reeleição, Mata Grande com o filho Luiz Pedro e em Inhapi o nome é o de Tenorinho, seu irmão. É saber se depois desse vergonhoso escândalo, Celso terá fôlego para manter tal projeto de campanha; até porque naquela região o caso da PREV agora virou motivo de chacota nas redes sociais; sintoma indigesto que vem recaindo também em cima de seus candidatos, sobretudos por serem forasteiros nas terras vizinhas.    
Canapi – complemento
Lembrando que a Justiça também determinou a indisponibilidade dos bens e valores de Celso Luiz. A decisão, proferida determina ainda que seja feito, mensalmente, o repasse das contribuições patronais e dos servidores ao Iprev, sob pena de afastamento do cargo de chefia do executivo municipal.

3 comentários:

  1. Celso Luiz, por que você é tão malvado?!

    ResponderExcluir
  2. E um cara desse ainda que eleger o filho dele na mata grande so si o povo for doido diga não aos tenorãos qui gosta de meter a mão no dinheiro do povão

    ResponderExcluir
  3. Pense num bichinho sem confiança!!!

    ResponderExcluir