terça-feira, 15 de outubro de 2019

“Não desapareci, apenas mudei de casa” – Diz professora considerada desaparecida por familiares do marido em Mata Grande.


Após divulgação da matéria do site Central do Sertão informando do seu suposto “desaparecimento”, a educadora entrou em contato com a redação do site para dizer que resolveu sair de casa após frequentes desentendimentos conjugais com o esposo.

Por: Redação

A professora Gerlucia Canuto residente na cidade de Mata Grande, considerada desaparecida por familiares do marido desde as 14h desta segunda feira (14), minutos depois de se deparar com a notícia do seu desaparecimento divulgada pelo site Central do Sertão, entrou em contato com a redação do mesmo para informar que não estava desaparecida, mas que, apenas resolveu sair de casa com os filhos após freqüentes desentendimentos conjugais com o esposo.

Vale lembrar que de acordo com a cunhada da educadora, a mesma teria deixado sua residência de carro próprio, tomando destino ignorado junto com os filhos no momento em que seu esposo não estava em casa. A família então acionou o Conselho Tutelar e as Polícias Civil e Militar.