quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Com a conivência dos pais, adolescente arriscam a vida e desafiam as autoridades empinando motos nas ruas de Inhapi.

Manobras são realizadas sem nenhum equipamento de segurança, inclusive em plena rodovia.

Por: Redação
Créditos: Facebook

Uma situação absurda vem tirando o sono das autoridades e de boa parte da população do municipio de Inhapi. Seja pelo dia ou pela noite um considerável número de adolescentes se reúnem na principal avenida da cidade para desafiar as autoridades e ariscar a própria vida e a de terceiros empinando motos. E o pior! muitos deles com total conivência dos pais, que inclusive quando não são proprietários, são os que compram as motos para os filhos antes mesmos de completarem 18 anos.

Ouvidos por nossa equipe de reportagem alguns moradores contam que já não sabem mas a quem recorrer. "É um absurdo, todos os dias tem adolescente empinando e fazendo manobras ariscadas de moto aqui na frente da minha casa e nenhuma providência é tomada" - Disse um morador que preferiu o anonimato. 
Várias fotos espalhadas nas redes sociais mostram adolescentes sem capacete ou qualquer outro equipamento de segurança fazendo as arriscadas manobras em vários pontos da cidade e até mesmo em plena rodovia.

A Policia Militar por vezes já realizou blits, chegando inclusive a prender diversas motocicletas conduzidas pelos adolescentes, no entanto, a maioria delas voltam para as mãos dos garotos, mesmo após os pais assinarem um T.C.O se responsabilizando pela moto.

Não consigo entender como um pai entrega uma moto a um filho adolescente para ele ariscar a própria vida e a de quem não tem nada haver com a história, nesta sexta-feira (07), dois adolescentes foram levados para Santana do Ipanema, após uma colisão frontal. Estes não estavam empinando, mas será que só vão proibir esta temeridade somente quando houver uma tragédia? Indagou mais um morador ouvido por nossa equipe de reportagem.