quinta-feira, 28 de março de 2019

Câmara de Vereadores de São José da Tapera vota amanhã parecer sobre rejeição das contas do prefeito Zé Antônio pelo TC/AL que pode torná-lo inelegível por 08 anos.


Relatório da comissão de finanças e orçamento é do vereador Cosme Guedes que deu início ao processo em Julho/2017 ao solicitar junto ao Tribunal todos os pareceres e respectivas prestações de contas da prefeitura.

Por: Redação

Já com um processo de impeachment em tramitação contra o prefeito o prefeito Zé Antônio, a Câmara Municipal de Vereadores de São José da Tapera/AL, colocará em votação na manhã desta sexta-feira (29) em mais uma sessão ordinária da casa, outra grave denúncia contra o gestor taperense. Desta vez, um relatório da Comissão de Finanças e Orçamento de Junho/2018 assinado pelo presidente e relator Vereador Cosme Guedes favorável a rejeição das contas da gestão do prefeito Zé Antônio segundo parecer do Tribunal de Contas do Estado de Alagoas em 2008.

Se aprovado em plenário, o relatório do vereador Cosme Guedes em tramitação na casa desde Junho/2018, 11 (onze) meses após a data do protocolo de solicitação do parlamentar junto ao TC/AL em Junho/2017 pedindo os pareceres e prestações de contas do município até o ano de 2016, o prefeito Zé Antônio poderá ficar inelegível por 08 anos devido à rejeição de suas contas pelo Tribunal em 2008 e ainda responder a um novo processo de impeachment na Câmara.

Para o vereador Cosme Guedes que tem feito uso de suas redes sociais para convidar a população taperense a se fazer presente a sessão desta sexta-feira (29), o parlamento passa por um momento histórico e democrático da política taperense, e, portanto, vivenciar este momento será de grande valia para todos os munícipes.

“Estou disposto a acabar com a corrupção dentro da Prefeitura e esse é um grande passo para passarmos a limpo o município” – Disse o vereador

“Nesta luta, contamos com a proteção de Deus e o apoio da população para que juntos possamos mudar os rumos do município, um passo de cada vez pela construção de uma nova Tapera dia a dia com a participação de todos ajudando democraticamente nas decisões do parlamento uma vez que o que lá decidimos influencia diretamente na vida de todos os munícipes” – Concluiu.