domingo, 3 de março de 2019

Custo mensal de um vereador em Delmiro Gouveia pagaria 28 aposentados da agricultura familiar e ainda sobraria dinheiro.


Para manter seus 11 vereadores e toda estrutura física e de pessoal que o parlamento municipal delmirense possui, o custo total ultrapassa 314 mil reais de repasse mensal do duodécimo pela prefeitura, uma média 28,5 mil por cada vereador.

Por: Redação
Foto: Editora Guia+
Reprodução: Portal da Transparência

A atividade é semanal, sempre as quintas-feiras, o salário é bem atrativo R$: 5.000,00 (Cinco mil reais) mais uma verba indenizatória de até R$: 4.500,00 (Quatro mil e quinhentos reais), 35 assessores parlamentares e outros 57 servidores a disposição, essa é a “dura” vida dos 11 vereadores do município de Delmiro Gouveia no alto sertão do estado de Alagoas.


E olhe que os nobres parlamentares ainda têm a difícil atribuição de fiscalizar os atos do Poder Executivo Municipal, propor leis que resultem na melhoria das condições de vida da população e desenvolvimento do município, e o pior de tudo! Ainda ter que ouvir o povo dizer que os mesmos não trabalham e que ganham muito!

É ou não é duro ser vereador em Delmiro Gouveia?

Ironias a parte, o fato é que a Câmara Municipal de Vereadores de Delmiro Gouveia é uma das casas mais caras do estado, afinal de contas, o custo mensal de um único vereador para o município pagaria 28 aposentados da agricultura familiar e ainda sobraria dinheiro. Isso porque, para manter seus 11 vereadores e toda a estrutura física e de pessoal que o parlamento municipal possui, o custo mensal para o bolso do contribuinte delmirense, ultrapassa 314 mil reais, uma média 28,5 mil por cada vereador.

Levantamento é do próprio Portal da Transparência da Câmara que entre os dias 18 e 21 de Janeiro deste corrente ano (2019) registrou repasses financeiros de R$: 286.356,55 e 28. 053,11 respectivamente, num total de R$: 314.359,66 (Trezentos e quatorze mil, trezentos e cinquenta e nove reais e sessenta e seis centavos), correspondente ao duodécimo mensal repassado pela Prefeitura Municipal.