PREFEITURA DE INHAPI

domingo, 18 de outubro de 2015

Júlio Brandão reforça sua pré-candidatura a prefeito em Canapi, mas oposição acredita que o mesmo não a sustentarar por muito tempo.

Atual Presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Mata Grande, o caçula da Família Brandão usou as redes sociais para apresentar sua mais nova residência em solo canapiense, mas sem um grupo político forte e definido, sua candidatura tem caído em descrédito. 

Por: Canapi Agora
Crédito: Facebook/Julio Brandão

"Fogo de palha" é assim que muitos eleitores, em especial seus adversários políticos vem tratando a provável candidatura a prefeito de Canapi do atual presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Mata Grande Júlio Brandão. Mas o fato é que ao que parece o vereador realmente está empenhado em disputar as eleições do próximo ano contra o atual prefeito Celso Luiz e o ex-prefeito Zé Hermes, seus principais adversários a sucessão do posto de chefe do Poder Executivo Municipal.

Na clara intenção de alcançar este objetivo, depois de transferir seu domicilio eleitoral, o pré-candidato recentemente usou sua página oficial no facebook para apresentar sua mais nova residencia em solo canapiense. "Quero convidar a todos vocês para conhecer minha casa em Canapi, quero dizer que está de portas abertas para o Povo!!! Um Domingo abençoado para todos!! (Localizada na rua da churrascaria do Van)" -Disse o vereador.

Mas apesar de todas estas decisões e atitudes políticas tomadas pelo caçula da Família Brandão, seus adversários insistem em afirmar que sua candidatura não passar de um "blefe" tendo em vista a sólida pré-candidatura do filho do prefeito Celso Luiz a prefeito de Mata Grande, município atualmente administrado pelo seu irmão Jacob Brandão.

O que acontece é que política se faz com grupo e segundo as principais lideranças do município, Júlio Brandão não tem grupo, ou melhor, seu grupo politico estaria resumido a apenas o ex-secretário municipal de transportes do governo Zé Hermes Vavá Mariano e do ex-prefeito José Mariano (irmãos), ambos desgastados politicamente após o rompimento com o ex-prefeito Zé Hermes, dos quais foram grandes aliados enquanto o mesmo esteve no poder, na época inclusive, em que o ex-gestor era casado com a sobrinha e filha respectivamente dos irmãos mariano, Gildaleia Mariano, primeira dama de Canapi entre os anos de 2005 e 2012.

Mas a falta de lideranças que venham a somar ao grupo político do vereador matagrandense, não é consequência da sua falta de empenho político, a grande realidade é que o município encontra-se bastante dividido entre "Celsistas" e "Hermistas", ou seja, aqueles que não estão com o atual prefeito, estão com o ex. E olhe que não é preciso pesquisa para saber disso não, pois uma simples conversa com um grupo de moradores de diferentes comunidades do município revela este atual cenário político, resultado de uma arrastada crise de conscientização política que aniquila as chances de concorrência de qualquer outro grupo político que não tenha "cacife" financeiro suficiente para disputar o pleito tendo em vista a forma "imunda" que o sertanejo aprendeu a "negociar" a política. Não que este seja o caso do grupo político vindo do município vizinho, até porque suas práticas por lá são bem semelhantes. 

Contudo, apesar deste cenário aparentemente bem definido sobre quem realmente tem chances de vencer esta disputa, diga-se de passagem "meramente pelo poder" a nós eleitores, ainda resta 01 ano para fazermos das próximas eleições, uma eleição menos "imunda" como sempre foi por aqui, muito embora a tendência seja piorar, haja visto as prévias resultantes do que transformaram com a eleição do Conselho Tutelar este ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário