08/03/21

[PÃO & CIRCO] Canapi entra na fase vermelha: Por que a prefeitura não utilizou quase R$: 03 milhões que recebeu para o enfrentamento do vírus?


De acordo com o Portal da Transparência do próprio município, foram mais de R$:  4,7 milhões de reais repassados pelo Governo Federal para ações de combate a pandemia.

Enquanto o prefeito Vinicius Lima (PP) governa o pequeno município de Canapi no alto sertão de Alagoas, da capital do estado (Maceió) onde reside com esposa e filhos, Canapi entrou na fase vermelha do recente decreto estadual assinado pelo Governador Renan Filho em vigor desde as 00:00h desta segunda-feira (08). Até ai tudo bem, afinal de contas o decreto foi assinado pelo Chefe do Poder Executivo Estadual e não pelo prefeito, e atinge todo o sertão e agreste do estado, contudo, se criou a narrativa principalmente por parte da grande mídia e das autoridades políticas (raras as exceções) de que a culpa pelo avanço da Covid-19 é exclusivamente do Presidente da República Jair Bolsonaro e da própria população brasileira que não “respeita” os decretos dos governadores e prefeitos, os mesmos governadores e prefeitos quem em Novembro/2020 promoveram as maiores aglomerações desde o início da pandemia e que hoje constantemente decretam medidas cada vez mais duras contra os direitos constitucionais da população, medidas essas que foram completamente ignoradas durante a campanha eleitoral, mas que pós eleições, passaram a se colocar nas redes sociais e na imprensa como “guardiões defensores da vida” num show de hipocrisia e desprezo com os trabalhadores e pequenos comerciantes criminalizados por simplesmente querer TRABALHAR.

Todavia, se por um lado governadores e prefeitos (dada as exceções) culpam o presidente e a população pelo avanço da pandemia, como explicar o fato de que mesmo com a autonomia necessária dada pelo STF para gerir as ações e medidas de combate e enfrentamento ao vírus sem qualquer ingerência do Presidente da República, ainda sim não conseguiram obter êxito algum em suas ações? Será que faltou dinheiro? Claro que não! Teria que ser muito "cara de pau" o governador e ou prefeito que usasse esse argumento como desculpa, pois se tem algo que o Governo Federal não deixou faltar nesta pandemia, foi dinheiro nos cofres públicos de estados e municípios. E é aqui que chegamos a pergunta inicial deste artigo de opinião, pois pegando o município de Canapi, cidadezinha de apenas 17 mil habitantes, localizada no alto sertão de Alagoas, onde 90% de sua população vive em vulnerabilidade a pobreza e 40% em extrema pobreza segundo o IBGE, dos R$: 4,7 milhões de reais que o município recebeu do Governo Federal exclusivamente para o enfrentamento da pandemia, somente R$: 1,9 milhão foi gastos com ações de combate ao vírus, deixando um saldo em conta superior a R$: 2,8 milhões de reais, conforme registrado no Portal da Transparência do próprio município.

Pois bem, confrontado com os fatos devidamente comprovados, chegamos a conclusão que não encontramos resposta para a pergunta que deu título a este artigo, porém, existe um explicação lógica para isso, afinal de contas, somente o prefeito de Canapi pode explicar o porquê não utilizou os milhões recebidos ainda no ano passado para conter o avanço do vírus no município. Todavia, a essa altura dos acontecimentos e ao agravamento da pandemia, a resposta deve vir acompanhada de mais uma resposta para outra importante e indispensável pergunta: O que estão esperando para investir os milhões em caixa, o contágio de toda população ou a morte de boa parte dela?

Com a palavra, o prefeito de Canapi que despacha da capital...


 LEIA TAMBÉM!

Negacionistas e Hipócritas do fica em casa, os grandes imbecis do século XXI.

LIRA: Se apequenou, se acovardou, mas se blindou

Entre ratos, laranjas e privilégios, extrema pobreza avança em Canapi

Os intocáveis de toga e o pior de todos os crimes do século XXI... “trabalhar”


ATENÇÃO! O conteúdo desta coluna é de total responsabilidade da redação.