sábado, 12 de abril de 2014

Atentado a bala mata uma pessoa e deixa outra ferida em Delmiro Gouveia

Crime pode estar relacionado a conflito entre traficantes do Bairro Ponto Chique, segundo a polícia. 

Ítallo Timóteo Por Ítallo Timóteo
Um atentado a bala resultou na morte de João Caciel Ribeiro de Lima Damasceno, conhecido como “Teo”, 21, e deixou ferida sua companheira, Luciana Gonçalves, 44, na madrugada deste sábado (12), por volta das 2h, na Avenida Caxangá, Praça do Desvio, em Delmiro Gouveia.

Segundo policiais da Rádio Patrulha da Polícia Militar, João Caciel estava na companhia de Luciana Gonçalves em um bar e no momento em que voltavam para casa, no Bairro Ponto Chique, foram surpreendidos por pessoas não identificadas que dispararam várias vezes contra os dois e fugiram tomando destino ignorado.

João Caciel foi atingido com vários tiros, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Já sua companheira, ficou ferida com um disparo no ombro que transfixou até a áxila. A vítima foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgênci

a (Samu) e levada para a Unidade de Emergência do Agreste, em Arapiraca, onde está internada e não corre risco de morte.

Durante levantamentos dos agentes policiais, plantonistas da delegacia de Piranhas, foram encontrados vários tipos de drogas em um dos bolsos da calça de João Caciel. Ainda de acordo com as informações apuradas, foi constatado que a vítima já tinha passagens pela polícia por tráfico de drogas.

O crime será investigado pelo delegado regional Rodrigo Rocha Cavalcanti, que com exclusividade adiantou para a reportagem do Minuto Sertão que o crime pode estar relacionado a conflito entre traficantes do Bairro Ponto Chique, local periférico da cidade, e provavelmente os autores do crime sejam de uma gangue rival.
Nossa reportagem apurou que Luciana Gonçalves era companheira de Emerson Alves da Silva, conhecido como Cirilo, que também foi morto a tiros no dia 21 de fevereiro de 2013, homicídio praticado ao lado do cemitério Adonias Mafra, em Delmiro Gouveia.

 FONTE: MINUTO SERTÃO 

Nenhum comentário:

Postar um comentário