terça-feira, 2 de junho de 2015

Em meio a escândalo, Blatter renuncia à presidência da Fifa

Imagem: Tânia Rêgo (Agência Brasil)Joseph Blatter, reeleito presidente da Fifa até 2019, não resistiu à pressão imposta por investigações do Departamento da Justiça dos Estados Unidos e, nesta terça-feira (2), renunciou ao cargo. A decisão foi anunciada em coletiva de imprensa às 13h45 (horário de Brasília), na qual o cartola suíço discursou e não deu espaço para perguntas de jornalistas. 
 
Novas eleições serão convocadas pelo Comitê Executivo da Fifa e devem acontecer entre dezembro de 2015 e março de 2016 em um novo congresso, extraordinário, da entidade.

“Eu decidi me candidatar novamente porque acreditei que era a melhor opção para o futebol. As eleições acabaram, mas os desafios que a Fifa enfrenta não chegaram ao fim. A Fifa precisa de uma reestruturação profunda. Membros da Fifa me deram esse mandato, mas ele parece não ser apoiado por todos no mundo do futebol, entre fãs, clubes, jogadores, aqueles que inspiram a vida ao futebol”, afirmou Blatter.

Fonte: Veja

Nenhum comentário:

Postar um comentário