domingo, 24 de janeiro de 2021

Prefeito Tony de campinhos irá parcelar salários atrasados após “calote” dado nos servidores da educação pelo seu antecessor e padrinho político.

 

Recurso deixado em caixa pelo ex-prefeito Fabiano Ribeiro (PP) é insuficiente para o pagamento da folha de Dezembro, diz prefeito.

Por: Redação com informações Ascom / Crédito: Ascom/Pariconha

De adversário a apadrinhado político e candidato a sucessão do ex-prefeito Fabiano Ribeiro (PP), o atual prefeito de Pariconha Tony de Campinhos (PP) vive um dilema logo no inicio de sua gestão após um “calote” dado pelo seu padrinho político em pelo menos 157 servidores da educação que até hoje esperam receber os salários de Dezembro.

Preocupado com a situação, acompanhado da equipe jurídica do município e de técnicos da Secretaria de Finanças, Tony de Campinhos se reuniu com representantes dos servidores na tentativa de buscar uma solução para o impasse, inicialmente apresentando os extratos bancários comprovando ter encontrado apenas R$: 205 mil reais na conta da educação, valor este que segundo o gestor não é suficiente para quitar a folha completa do mês em atraso (Dezembro/2020).

Diante do cenário financeiro apresentado, o prefeito propôs aos servidores o pagamento de 60% do salário de Dezembro/2020 até o dia 30 de Janeiro, juntamente com a antecipação do salário de Janeiro/2021 a ser pago dentro do mês trabalhado e não somente ao final do 5º dia útil do mês subsequente. Quanto ao restante do débito, o gestor propôs a realização de uma nova reunião pré-agendada para o dia 03 de Fevereiro.

Tanto a proposta de pagamento dos 60%, quanto o pré-agendamento de uma nova reunião para discutir o pagamento dos outros 40% dos salários de Dezembro foram aceitas pelos representantes da categoria dos servidores da educação.

Vale ressaltar que todas as informações aqui relatadas foram divulgadas pela Assessoria de Comunicação no site da Prefeitura Municipal. Confira: http://www.pariconha.al.gov.br/index.php/noticias/compromisso-com-os-servidores-municipais-3