13/01/21

Prefeito de Pariconha já perdeu eleição para vereador com 61 votos em uma das 05 eleições municipais que disputou.

 

Conheça a história política do empresário de descendência indígena Tony de Campinhos.

Por: Redação / Crédito: Reprodução/TSE

O ano era 2000 quando Antonio Telmo Noia, o popular Tony de Campinhos, a época com apenas 21 anos, disputava sua primeira eleição ao cargo de vereador pelo município de Pariconha no alto sertão de Alagoas e era eleito com 255 votos pelo (PTB), porém, 04 anos mais tarde já nas eleições municipais de 2004 ainda pelo (PTB), o jovem vereador com apenas 139 votos não consegue se reeleger, mas Tony não desiste da vida pública e em 2008 se candidata mais uma vez ao cargo de vereador, desta vez pelo (PRP), agora em sua terceira disputa eleitoral, que por sinal, foi a mais decepcionante para sua carreira política, haja vista que ao abrir das urnas, foram contabilizados apenas 61 votos.


A decepção foi tamanha que em 2012, Tony resolveu não disputar as eleições municipais, até que 04 anos mais tarde em 2016, sai candidato a vice-prefeito pelo (PRB) na chapa do candidato a prefeito Alvani Feitosa (PMDB) e mais uma vez Tony sai derrotado com 2.860 votos, contra 3.596 do prefeito eleito Dr. Fabiano do (PP).

Mais 04 anos de passam, chega 2020, e ai é que a roda gigante da política e da politicagem não perdoa ninguém e na mais surpreendente naturalidade, adversários se tornam aliados e aliados se tornam adversários, Tony de Campinhos é lançando candidato a prefeito pelo partido do prefeito Dr. Fabiano (PP) e tem como adversário Alvani Feitosa (MDB), justamente aquele ao qual Tony havia sido aliado na condição de candidato a vice-prefeito na eleição anterior (2016).

Resultado! Depois de ter sido eleito vereador com apenas 21 anos e perder duas eleições consecutivas, uma delas com apenas 61 votos, de desistir da disputa eleitoral em 2012 e de quatro anos mais tarde perder mais uma eleição, desta vez para vice-prefeito... Tony de Campinhos é eleito prefeito do município de Pariconha com 61,21% dos votos (4.095) aos 41 anos.