PREFEITURA DE INHAPI

sábado, 2 de novembro de 2013

BOPE e criminalística retiram artefato explosivo de 500 gramas de Caixa Eletrônico em Inhapi

Seis agentes do Bope e dois peritos vieram da capital alagoana para averiguar o ocorrido

A ação de criminosos durante a madrugada deste sábado na agência bancária do Bradesco do Municipio de Inhapi levou duas equipes do Bope e uma de perítos de criminalística da polícia a deslocar-se da capital alagoana distante aproximadamente 300km da cidade ate o local do ocorrido.

Os elementos que voltaram a atacar a agência durante esta madrugada não conseguiram explodir um terminal eletrônico e fugiram deixando para trás um explosivo instalado no equipamento.

A chegada das equipes aconteceu por volta das 12h36 e após a retirada um agente se deslocou até um estabelecimento comercial próximo para verificar o peso do artefato de aproximadamante 510 gramas.

O Cabo PM Marcos, conta que apenas ele e outro militar estavam de plantão no GPM e se preparavam para averiguar a denúncia recém recebida via telefone, quando notaram que duas motos e um carro Siena prata cercaram o destacamento militar, os encurralando.

O policial acredita foi nesse momento que outros bandidos encapuzados, utilizando coletes a prova de bala e fortemente armados, em outras duas motos e mais um carro Parati, invadiram o setor de autoatendimento da agência, instalaram uma banana de dinamite, mas não conseguiram detonar e fugiram abandonando o explosivo no local.

Durante a fuga, vários tiros foram efetuados pelas ruas por onde o grupo passava, mas ninguém se feriu. Dois irmãos que são guardas noturnos teriam sido fetos reféns durante toda ação, mas depois foram liberados.

Enquanto estavam cercados pelos bandidos, os policiais do GPM acionaram o 9º Batalhão (BPM), em Delmiro Gouveia, que enviou guarnições do Pelotão de Operações Especiais (Pelopes) para dar apoio.




Inhapi em Foco

Nenhum comentário:

Postar um comentário